Cidadeverde.com
Últimas

Governo Federal prorroga prazo para atualização de Cadastro Único

Imprimir

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com

O governo federal prorrogou o prazo para atualização do CadÚnico (Cadastro Único), requisito básico para acesso ao Auxílio Brasil, ao BPC (Benefício de Prestação Continuada) e à Tarifa Social de Energia Elétrica.

As famílias que estão na chamada "averiguação cadastral" -que tiveram inconsistências identificadas após o cruzamento de dados- têm até 12 de agosto para atualizar as informações. O prazo tinha acabado em 10 de junho.

Já a data-limite para as famílias que estão em "revisão cadastral", que terminaria nesta sexta-feira (15), foi estendido até 14 de outubro. Neste caso, a convocação vale para os beneficiários que estão há mais de dois anos sem revisar os dados.

Como mostrou a Folha de S.Paulo, brasileiros têm dormido na fila para fazer ou atualizar o cadastro. Cerca de 8 milhões de famílias devem garantir a atualização das informações em 2022 para evitar o bloqueio dos programas sociais do governo federal.

A prorrogação do prazo foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (14). O Ministério da Cidadania afirmou que quem foi convocado para averiguação e revisão de dados deve comparecer a um CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) ou a um posto de atendimento do Cadastro Único do município.

Por causa da pandemia, o ministério escalonou o processo de revisão cadastral. Neste ano, estão sendo convocadas as famílias que atualizaram os dados pela última vez em 2016 ou 2017.

A fila de espera para receber o Auxílio Brasil disparou nos últimos meses, e a quantidade de famílias que buscam fazer o cadastro para conseguir o benefício -a chamada "fila da fila"- também vem crescendo.

Segundo a CNM (Confederação Nacional dos Municípios), 2,788 milhões de famílias aguardam a transferência de renda atualmente. A fila do CadÚnico aumentou 113%.

 

Fonte: Folhapress (Thaísa Oliveira)

Imprimir