Cidadeverde.com
Geral

PF faz operação contra plano para sequestrar autoridades e resgatar líderes de facção

Imprimir

Foto: Arquivo/Cidadeverde

A Polícia Federal cumpre na manhã desta quarta (10) mandados de prisão e buscas e apreensão para avançar numa investigação sobre um plano para resgatar lideranças do PCC (Primeiro Comando da Capital) de presídios federais de segurança máxima.

Entre os presos a serem resgatados estão lideranças da facção como Marcos Willians Herbas Camacho, o Marcola, Cláudio Barbará da Silva, o Barbará, e Valdeci Alves dos Santos, o Colorido.

O grupo criminoso, segundo a PF, planejava sequestrar autoridades e desenvolver outras ações para conseguir a soltura das lideranças da facção.

A ação foi batizada de Anjos da Guarda e tem o apoio do Departamento Penitenciário Nacional.

Os presos alvos do plano de fuga estão detidos nas penitenciárias federais de Brasília (DF) e Porto Velho (RO).

Segundo a investigação da PF, uma rede de comunicação integrada por advogados que atuam para o PCC atuou na organização do plano "ao transmitir tanto as cobranças dos custodiados quanto os retornos das mensagens dos criminosos envolvidos no resgate."

"Para organizar as atividades ilícitas, os investigados se valiam dos atendimentos e das visitas em parlatório, usando como códigos para a comunicação situações jurídicas que, comprovadamente, não existiam de fato", diz a PF.

Ao todo, cerca de 80 policiais federais cumprem os mandados de busca e prisão em cidades do Distrito Federal, Mato Grosso do Sul e São Paulo.

 

Fonte: Folhapress/Fabio Serapião

Imprimir