Cidadeverde.com
Cidades

Ministério Público denuncia suspeitas de matar Tainah Luz a facadas

Imprimir

Foto: Arquivo Pessoal 

O Ministério Público do Estado (MPE) ofereceu denúncia contra Geovana Thais Vieira da Silva e Fernanda Maria Lobão Ayres por homicídio qualificado da analista de sistema Tainah Luz Brasil. A jovem de 27 anos foi morta a facadas no dia 14 de maio de 2022, quando estava em uma residência localizada no bairro Mocambinho, na zona Norte de Teresina.

A Polícia Civil do Piauí havia indiciado apenas Geovana pela morte da analista de sistema, no entanto, para o promotor João Mendes Benigno Filho, Fernanda também participou do crime.

Na denúncia, o promotor afirma que as denunciadas utilizaram-se de meio cruel para ceifar a vida de Tainah Luz Brasil Rocha.

"Uma vez que causaram a ela intenso sofrimento, diante da quantidade de golpes de faca em diversas regiões de seu corpo. Ressaltando o meio cruel, as denunciadas deixaram a vítima agonizando e perdendo bastante sangue até que o socorro chegasse".

Tainah é filha do do jornalista Marcelo Rocha. Ela morava em Curitiba e estava em Teresina visitando a família quando foi assassinada. 

Ainda segundo a denúncia, o crime teve motivação fútil e teria acontecido após Tainah ter tentado beijar Fernanda, sua ex-namorada.

Hérlon Moraes
[email protected]

Imprimir