Cidadeverde.com
Picos

Suspeito de assassinar ex-jogador da Sep será interrogado

Imprimir

Foto: Polícia Militar

 

Nesta quinta-feira (01) está previsto para ocorrer o interrogatório do homem de iniciais J.G.I., suspeito de assassinar o ex-jogador da Sociedade Esportiva de Picos, Jailson Alves da Silva. O procedimento policial tem por objetivo coletar informações e esclarecer fatos levantados durante a investigação do homicídio.

O crime ocorreu em 18 de abril deste ano e a vítima foi assassinada com um disparo de arma de fogo. No momento do ocorrido, Jailson estava na companhia da filha no quintal da residência.  

O delegado titular da Delegacia de Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio (DHTL), Agenor Ferreira Lima, explicou que a motivação do crime seria desentendimento em virtude de relacionamentos.

"O suspeito na presença do advogado será interrogado. Caso seja do seu entendimento, ele possa nos esclarecer alguns fatos. Mas a gente acredita que se trata de um desentendimento em virtude de alguns relacionamentos", explicou o delegado.

Agenor Lima ainda relatou que no trabalho da Polícia chegou a informação de que o suspeito já havia tecido comentários de ameaça a vítima para terceiros.

"Tomamos conhecimento da presença de algumas ameaças , não de forma direta entre autor e vítima. Mas de forma paralela, através de algumas pessoas", concluiu.

A prisão

Nesta quarta-feira (30) a Polícia Civil do Piauí através da Delegacia de Homicídios,Tráfico de Drogas e Latrocínio (DHTL) efetuou a prisão do suspeito de assassinar o ex-jogador da Sep, Jailson Alves da Silva, morto em abril deste ano. A ação ainda contou com o apoio do Patrulhamento Rural do 4° Batalhão de Polícia Militar.

O suspeito identificado pelas iniciais J.G.I., reside no Povoado Capitão de Campos, zona rural de Picos. Em desfavor do mesmo foi expedido pela 5ª Vara da Comarca de Picos mandado de prisão preventiva pelo crime de Homicídio Qualificado.

 

Paula Monize

[email protected]

Imprimir