Cidadeverde.com
Geral

Tatuagem ajudou Polícia a identificar suspeito de atirar em filho do presidente do TJ-PI

Imprimir

Fotos enviadas ao Cidadeverde.com 

Uma tatuagem ajudou a Polícia a identificar Francisco Jefferson da Silva Cruz, conhecido como ‘Anjo da Morte’, como suposto autor da tentativa de homicídio contra o advogado André de Almeida Sousa, filho do presidente do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI). 

A esposa de ‘Anjo da Morte’, Suzana do Nascimento Gomes, foi filmada durante a confusão que resultou no disparo que atingiu o filho do desembargador do TJ-PI. A mulher tem duas lágrimas tatuadas próximas ao olho direito. 

A Polícia, ao analisar as imagens da câmera de segurança, perceberam a presença dela no local e ligaram o fato a Francisco Jefferson da Silva Cruz, que não aparece nas imagens das câmeras de segurança, somente a esposa logo após a tentativa de homicídio.

Segundo uma fonte da Força Tarefa de Segurança Pública (FTSP) que atua em Parnaíba, as investigações posteriores resultaram na identificação do ‘Anjo da Morte’ como autor do disparo que atingiu o advogado. 

Comando Vermelho

Tanto Francisco Jefferson quanto Suzana Gomes têm mandados de prisão preventiva expedidos pela Justiça por organização criminosa. Os dois são apontados em uma investigação da Força Tarefa de Segurança como membros do Comando Vermelho no Piauí. 

‘Anjo da Morte’ foi preso pela tentativa de homicídio, mas também em cumprimento ao mandado de prisão preventiva, ao lado da esposa. Com o casal, a polícia apreendeu a arma usada no crime contra o advogado, um veículo com registro de roubo e furto, além de aparelhos celulares. 

Foto: SSP-PI

O caso 

André de Almeida foi baleado durante discussão em um bar na Avenida São Sebastião, em Parnaíba, nas proximidades da UFDPar no dia 22 de março. O advogado foi atingido no olho e passou por uma cirurgia no Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU-UFPI) no mesmo dia. 


Nataniel Lima
[email protected] 

Imprimir