Cidadeverde.com

Seduckathon: equipe desenvolve ferramenta para controlar fila de refeitório

Imprimir

Disputando a final do Seduckathon, estudantes do Centro de Estadual de Educação Profissional (CEEP) Pref. João Mendes Olimpio de Melo, localizado no bairro Vila Operaria, na zona Norte de Teresina, desenvolveram um sistema para melhorar o atendimento no refeitório da escola. O projeto foi pensado pelos próprios alunos, visando solucionar um problema diário na escola. A ideia era reduzir o tempo de espera e 

“Como temos um número grande de alunos, a fila é enorme. Muitas vezes o primeiro que chegava para lanchar, antes mesmo do último fazer a refeição, outro furava a fila. Acabava que uma grande quantidade de alunos ficava sem lanche. Isso era uma queixa dos alunos, então pegamos essa ideia e trabalhamos a partir daí. Criamos um sistema que vai fazer esse controle, o aluno vai só uma vez para a fila”, relatou o professor Alan Costa, que está orientando os estudantes no desenvolvimento da ferramenta. 

O Seduckathon é uma iniciativa inédita da Secretaria de Educação do Piauí (Seduc-PI), que envolve alunos da 2ª e 3ª séries do ensino médio da rede pública estadual, regularmente matriculados nos cursos técnicos de Desenvolvimento de Sistemas e Programação de Jogos. Ao todo, mais de mil estudantes se inscreveram na competição, que na primeira fase envolveu a resolução de questões de conhecimentos específicos e de língua inglesa.

Os dez melhores projetos serão escolhidos para a competição presencial do Seduckhaton, que ocorrerá em Teresina, no mês de abril. As quatro equipes, totalizando 20 alunos, com a melhor nota atribuída pela banca examinadora serão premiadas com Intercâmbio Educacional de 30 dias na Worcester Technical High School, localizada em Boston, no Estado de Massachusetts - Estados Unidos da América (EUA).

Da Redação

Você pode receber direto no seu WhatsApp as principais notícias do CidadeVerde.com
Siga nas redes sociais