Cidadeverde.com

Fiscais recolhem dois macacos criados em casa do interior do Piauí

Fotos: Semar-PI

Dois macacos foram resgatados sendo criados como bichos de estimação em uma residência no município de Oeiras, a 290 Km ao Sul de Teresina. O resgate ocorreu nessa quarta-feira (16) após entrega voluntária dos animais, um da raça prego e outro da raça guabira, também chamada de bugio cuja algumas das espécies estão em risco de extinção.

Manter um animal silvestre em cativeiro sem autorização legal é crime, podendo ser punido com multa ou até prisão. A auditora fiscal ambiental da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Semar), , Catharina Teixeira, orienta sobre a entrega voluntária de animais silvestres.

“As pessoas que criam esses animais em cativeiro de forma irregular podem procurar a Semar e agendar o recolhimento. Quem realiza a entrega voluntária não sofre nenhum tipo de responsabilidade administrativa”, esclarece.

Os animais silvestres entregues pela população são encaminhados para o Parque Zoobotânico, onde passam por uma primeira avaliação veterinária e ficam em quarentena por alguns dias. Após esse período, uma nova análise é realizada pelos veterinários.

Depois das análises animal pode ser mantido no parque ou reinserido na natureza. “Nesse caso inicia-se o processo de reabilitação para que esses animais possam ser reintroduzidos na natureza com segurança”, complementa Teixeira.

Valmir Macêdo (Com informações da Semar)
valmirmacedo@cidadeverde.com