Cidadeverde.com

Para conter a covid, Prefeitura de Oeiras proíbe bandas e paredões de som

Foto: Google Maps

A prefeitura de Oeiras emitiu nesta quinta-feira (17) um novo decreto com restrições e medidas sanitárias para conter o avanço da Covid-19. Entre as novidades, está a proibição de bandas música ao vivo e "paredões de som" nos bares, restaurantes  e logradouros públicos até o próximo dia 24 de junho.

O decreto, assinado pelo prefeito José Raimundo (Progressistas),  também reforça o impedimento para realização de festas e aglomerações de pessoas, além de impor o limite de ocupação máximo de 50% da capacidade nos estabelecimentos comerciais. 

As regras tem validade para a zonas urbana e rural do município. Os estabelecimentos que não respeitarem as medidas, deverão devidamente autuados, penalizados e repassados os casos a autoridade policial competente que por sua vez tomará as medidas necessárias quanto aos equipamentos de som não permitidos.

De acordo com o último boletim divulgado, Oeiras já registra 4.658 casos confirmados de covid-19 e 62 óbitos pela doença. 

De acordo com o prefeito José Raimundo, as novas restrições foram adotadas com objetivo de barrar o avanço da doença na região. Segundo ele, nos últimos dias, o município vinha registrando uma média de 30 novos casos por dia. 

"As pessoas não estavam obedecendo e estavam abusando e não seguindo o isolamento. Estavam acontecendo muitas festas. então, essa proibição é pertinente por causa do aumento de casos. A gente está fazendo nesse período de oito dias uma tentativa de dar uma freada nesse aumento de contaminação", explicou o prefeito. 

 

Confira a íntegra do decreto

 


Natanael Souza
[email protected]