Cidadeverde.com

Prefeitura desenvolve programação do Bicentenário da Adesão à Independência

A luta dos piauienses pela Independência do Brasil foi consolidada em Oeiras. Marcando o Bicentenário da Adesão da Cidade de Oeiras à Independência do Brasil, a Prefeitura Municipal realizou no último sábado, 21, o descerramento de uma placa na casa do Visconde da Parnaíba, no Centro Histórico.

Naquela casa, em 24 de janeiro de 1823, no mais vivo entusiasmo dos oeirenses, sob a liderança de Manoel de Sousa Martins, foi proclamada a Adesão do Piauí à Independência do Brasil – um gesto de bravura e coragem, marcado para sempre nas principais páginas da história do Estado do Piauí.

A solenidade contou com a presença do prefeito José Raimundo; da primeira-dama Iranilde Reinaldo; do secretário municipal de Cultura e Turismo, Júnior Vianna; secretário municipal de Juventude, Júnior Miranda; do presidente da Câmara Municipal, vereador Espedito Martins; do vereador Cleylton Andrade; da presidente do Instituto Histórico de Oeiras, Inácia Rodrigues, e demais autoridades.

Em seguida, encerrando a programação alusiva à data, foi promovido o Concerto Oeiras Musical, com a apresentação da Orquestra de Sopro da Escola Municipal Juarez Tapety, na Catedral de Nossa Senhora da Vitória.

Programação especial

A Secretaria Municipal de Cultura e Turismo preparou uma programação especial para celebrar os 200 anos de Adesão do Piauí à Independência do Brasil, fato ocorrido em Oeiras, em 24 de janeiro de 1823.

Também no sábado foi realizado a conversa histórica “Piauí e Oeiras no processo da Independência do Brasil", com as historiadoras Marluce Moraes e Socorro Barros, no Cine-Teatro Oeiras. O público-alvo foram os professores da rede municipal de ensino.

As atividades alusivas à data foram iniciadas na quinta-feira, 19, com a exibição do filme “Terra Querida: O outro lado da Batalha do Jenipapo” e um bate-papo com o cineasta piauiense, Franklin Pires, responsável pela produção cinematográfica. Na oportunidade, ele conversou com os alunos da rede municipal de ensino sobre o processo de gravação do filme e sobre a importância das lutas dos piauienses pela independência.

No turno da noite, as atividades culturais aconteceram no povoado Contentamento, zona rural de Oeiras, com a apresentação da cantora Joelma Borges e Pegada Heavy, no âmbito do projeto Prata da Casa, que promove o trabalho dos talentos da nossa terra, levando as atrações musicais para as mais diversas comunidades do município. A ação foi custeada com recursos do Fundo Municipal de Cultura.

Na sexta-feira, 20, dentro da agenda comemorativa, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo iniciou, no Mercado Municipal Dona Lili, o Cesta Cultural. Miguel Gomes e Forró de Magnata foi a primeira atração do projeto que une a música aos sabores e costumes presentes num dos locais mais populares da cidade.

Da Redação