Cidadeverde.com

Oeiras capacita gestores de Simplício Mendes sobre licenciamento e fiscalização ambiental

A Prefeitura de Oeiras promoveu desta terça-feira, 17, uma capacitação sobre emissão de licenças e fiscalização ambiental para gestores do município de Simplício Mendes. A capacitação foi mediada pelos profissionais que atuam na Gerência Municipal de Meio Ambiente, órgão vinculado à Secretaria Municipal da Agricultura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMA). 

“Acolhemos a equipe da Secretaria de Meio Ambiente de Simplício Mendes, repassamos conhecimentos sobre fiscalização e licenciamento ambiental. Demonstramos os procedimentos desde o início até a emissão da licença ambiental. É interessante essa parceria com os municípios circunvizinhos”, avalia Adriano Ferreira, gerente municipal de Meio Ambiente, lembrando que, em agosto, o município realizou uma capacitação na mesma área, para gestores da cidade de Novo Oriente.

Fátima Moura Fé, secretária de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Simplício Mendes, diz que o intercâmbio com Oeiras é importante para o desenvolvimento das atividades da pasta em seu município. “Viemos conhecer um pouco mais do trabalho que é feito aqui, porque estamos iniciando lá a parte de licenciamento e fiscalização ambiental. É importante que tenhamos esse conhecimento e esse diálogo com um município que já está mais avançado nesse processo”, explica a gestora.

“Estamos muito felizes com a iniciativa e com acolhida que recebemos aqui no município de Oeiras. Realmente, a impressão que tivemos no início se concretizou. O município está bem organizado, muito além do que nossa expectativa estava aguardando e está sendo de muita valia essa troca de conhecimentos e experiências aqui”, completa Fátima Moura Fé.

Agora, segundo a gestora, uma equipe de técnicos da Secretaria de Meio Ambiente de Simplício Mendes fará um estágio na Gerência de Meio Ambiente de Oeiras. “Próximo passo é a nossa equipe de fiscalização e licenciamento vir passar alguns dias aqui, num estágio, acompanhando o trabalho em campo, para aproveitarmos mais a experiência do município de Oeiras”, conclui Fátima Moura Fé.

Fonte: Ascom