Cidadeverde.com

Mulher é morta com pedrada após resistir suposto abuso sexual

Uma mulher identificada como Maria Elzenir de Sousa foi assassinada na noite desse domingo (05) na cidade de Oeiras, distante 313 quilômetros de Teresina. O principal suspeito do crime é um amigo do filho da vítima, André Lucas de Sousa Nascimento, que foi preso em flagrante. 

Maria Elzenir foi morta com uma pedrada, que destruiu parte do seu crânio. O delegado da Polícia Civil, Francisco Rodrigues, informou ao Cidadeverde.com que a mulher foi assassinada após resistir a um suposto abuso sexual. 

“A impressão é de que ele tentou forçar um ato sexual com ela. A mulher resistiu e ele a matou com uma pedrada”, conta o delegado, que analisa o caso como feminicídio. O crime aconteceu dentro da casa da vítima, que no momento estava confraternizando com o filho e o namorado. 

A polícia constatou marcas de mordidas no pescoço da vítima. O corpo foi encaminhado para perícia na cidade Picos, que vai confirmar se houve ou não abuso sexual. 

Pedra usada no crime. Foto: Mural da Vila


Izabella Pimentel
redacao@cidadeverde.com