Cidadeverde.com

Prefeitura entrega reforma e ampliação da Unidade Básica de Saúde do Bairro Rodagem de Picos

Com o objetivo de oferecer mais conforto e agilidade no atendimento, tanto para pacientes quanto para os profissionais, o prefeito José Raimundo e a secretária municipal de Saúde, Auridene Freitas, entregaram na manhã desta segunda-feira, 16, a obra de reforma e ampliação da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Bairro Rodagem de Picos, em Oeiras.

“A partir destas melhorias, nós temos condição de implantar uma Sala de Vacinas fixa aqui nesta unidade de saúde. Fizemos a adequação do consultório de odontologia, conforme as regras orientadas pelo Ministério da Saúde. O Conselho Regional de Odontologia (CRO) fez uma visita aos estabelecimentos de saúde e fez as devidas orientações sobre a correção da estrutura. Assim, atentemos essas solicitações para termos um espaço mais adequado, com a garantia de segurança não apenas para o usuário, mas também para a equipe de profissionais que aqui vem atuando”, pontua Auridene Feitas.

A secretária adianta que a Sala de Vacinação funcionará a partir de agosto, disponibilizando imunização permanente para os usuários. “Com a implantação da Sala de Vacinas, a oferta da vacina irá acontecer durante todos os dias da semana. Até então, a vacinação acontece extra-muro, que se faz através de um agendamento, num dia específico onde a comunidade se direciona para a unidade de saúde sabendo que tem a vacina naquele dia. Muitas vezes, terminamos perdendo o paciente, porque naquele dia ele não pode estar presente na unidade de saúde. Então, com a Sala de Vacinas fixa estaremos a partir de então dando condições da oferta desse serviço num caráter diário. Ou seja, dentro da rotina dessa unidade de saúde vamos estar podendo oferecer a vacinação para toda a população desta área”, informa a gestora.

A UBS da Rodagem de Picos dispõe de espaço amplo de recepção para acolhimento do usuário, área externa coberta, auditório, copa, farmácia, área de esterilização, coleta seletiva, casa de resíduos e consultório médico.

“Nesta área, temos duas extensões: um Ponto de Atendimento, que funciona no Uberaba, para também assistir essa comunidade, e temos um Ponto de Atendimento no Cebolinha. É uma área bem assistida, onde além da Unidade Básica de Saúde temos esses dois pontos de atendimento, que é uma descentralização que facilita o acesso da população aos serviços de saúde”, explica a secretária, acrescentando que a UBS da Rodagem de Picos também é responsável pelo atendimento dos internos do sistema carcerário do município.

Através de uma parceria com o Instituto Federal do Piauí (IFPI), o município de Oeiras também oferece atendimento odontológico aos moradores do Uberaba. “Assim temos a garantia do atendimento odontológico. As pessoas não precisam vir para a unidade de saúde da Rodagem de Picos, elas são atendidas no IFPI, dentro do gabinete de odontologia de lá. Nós entramos com os profissionais, técnicos de enfermagem e é uma parceria que tem dado bastante certo”, conclui Auridene Freitas.

O prefeito José Raimundo observa que as UBSs desempenham um papel central na garantia de acesso à população a uma atenção à saúde de qualidade. “Estamos investindo na construção, ampliação e modernização das Unidades Básicas de Saúde, não só da zona urbana, mas também da zona rural. Hoje estamos aqui neste posto de saúde que atende a demanda de um município do tamanho de Santa Rosa do Piauí. As condições aqui estão dadas com todo o aparelhamento de insumos e de profissionais para atender todo este público. É com esta reponsabilidade e este norteamento que colocamos a saúde de Oeiras como prioridade da nossa gestão, para acontecer sempre, de maneira equânime, na zona urbana e rural do município”, pondera o prefeito. 

As Unidades Básicas de Saúde (UBSs) são a porta de entrada dos serviços de saúde no município. Elas oferecem a atenção básica à população, tendo como referência o Programa Saúde da Família. Cada equipe de Saúde da Família é composta por médico, enfermeiro, dentista, técnico em saúde bucal, auxiliar de enfermagem e agentes comunitários de saúde.

Fonte: Ascom