Cidadeverde.com

"Uma crueldade absurda", diz delegado sobre corpos esquartejados e decapitados

 

Atualizada à 13h21

O gerente de policiamento do interior, o delegado Emir Maia, informou que as vítimas decapitadas em Parnaíba são naturais de Tutóia, no Maranhão. Outra informação é de que a casa onde os corpos foram encontrados é de propriedade de uma pessoa também do Maranhão. 

Emir Maia disse ainda que "um casal frequentava a casa e a polícia fazer um retrato falado para identificar essas pessoas”. A investigação está a cargo da Delegacia de Homicídios de Parnaíba.

O delegado Eduardo Aquino, titular da delegacia de Combate ao Homicídio, Tráfico de Drogas e Latrocínio, informou nesta sexta-feira (2) que a residência onde foram encontrados os corpos decepados e esquartejados é ponto de consumo e venda de drogas. Baseado nestes frequentadores, a polícia acredita que as mortes tenham envolvimento com  tráfico de entorpecentes na região.

Ontem (1), dois corpos foram localizados enterrados no quintal de uma residência no bairro Piauí, em Parnaíba ( a 318 km de Teresina). Um dos cadáveres estava partido ao meio. As duas pessoas foram mortas e tiveram a cabeça cortada. 

"É um crime de uma crueldade absurda, de chocar. Isso não é visto diariamente. É uma ação monstruosa", disse o delegado.

Ele informou ao Cidadeverde.com que desde ontem a polícia faz diligências e há indícios de identificação de um dos corpos.

"Estamos tentando localizar a família para que faça a identificação do corpo. Há indícios de que eles foram mortos ontem e pelo estado dos corpos pode ser feita a identificação visualmente", informou o delegado.

Os corpos estão no IML de Parnaíba para série de análises. 

Inicialmente, houve "indícios de que um dos corpos é de um rapaz de Parnaíba. É usuário de droga ".

Sobre o boato de um terceiro corpo, o delegado disse que a polícia fez buscas e não confirmou a informação. 

 

 

Flash Yala Sena
yalasena@cidadeverde.com

Polícia encontra corpos decapitados enterrados em quintal de residência


Vídeo mostra movimentação próximo ao local onde os corpos foram encontrados

Atualizada as 15h02min

Dois corpos decapitados foram encontrados enterrados no quintal de uma residência no bairro Piauí, em Parnaíba, município a 318 km de Teresina. Os corpos foram esquartejados e estavam amarrados apresentando sinais de que foram gravemente torturados antes da execução. Um dos corpos foi partido ao meio além de decaptado e outro está com mãos e pés amarrados.

Tenente-coronel Antônio Pacífico, comandante do 2º Batalhão da PM no município até o momento as vítimas não foram identificadas. As cabeças e partes do corpo estavam enterrados em buracos diferentes do terreno.

“Populares ligaram para a Polícia após ouvirem um barulho possivelmente de uma execução. Ao chegar no local nada foi encontrado, mas o terreno estava mexido, foi aí que os policiais encontraram os corpos”, explicou o coronel Pacífico.

Não foi informado também se havia moradores na residência. O Corpo de Bombeiros, a perícia da Polícia Civil e o Instituto Médico Legal estiveram no local onde realizaram procedimentos de rotina.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com 

"Gêmeo do crime" tem falência múltipla dos órgãos e morre no hospital

Foto mostra Alex e o irmão gêmeo em um vídeo gravado dentro do presídio no ano passado

O suspeito identificado como Alen dos Santos Nunes não resistiu aos ferimentos de bala e morreu após dois dias internado no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), em Parnaíba, litoral do Piauí. Ele era conhecido como um dos "gêmeos do crime" e, de acordo com a Polícia Civil, era considerado de alta periculosidade. 

Alex foi baleado ao reagir a investida de policiais que tentavam cumprir mandado de prisão e busca apreensão. Na troca de tiros, o suposto comparsa dele foi baleado e morreu no local. 

O gêmeo foi atingido com dois tiros no abdômen e um no antebraço direito e veio a óbito às 19h05 deste domingo (25) em decorrência de falência múltipla dos órgãos. 

Alex tinha uma extensa ficha criminal e estava foragido do sistema prisional do Piauí desde fevereiro de 2017. O irmão gêmeo, Alan dos Santos Nunes, permanece preso. 

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Suspeito de mais de 8 homicídios em Brasília é preso em Parnaíba

Suspeito de mais de oito homicídios, tráfico de drogas e porte ilegal de armas em Brasília, Maicon Nascimento de Araújo, conhecido como Maiquinho, 29 anos, foi preso em Parnaíba, onde se escondia após estar foragido desde 2015. Natural do Distrito Federal, Maicon foi preso por policiais da Delegacia de Homicídios, Tráfico de Drogas e Latrocínio de Parnaíba - DHTL, com o apoio da Diretoria de Inteligência - DINT e do Núcleo de Inteligência da Planície Litorânea, que deram cumprimento a mandado de prisão.

A abordagem ao suspeito ocorreu na rua da residência onde estava escondido, houve a tentativa de fuga, mas os policiais conseguiram conter. Ele estava na casa do pai, que mora no litoral piauiense. 

Maicon Nascimento de Araújo foi apresentado à autoridade policial plantonista na Central de Flagrantes de Parnaíba-PI, onde foi qualificado, e encaminhado para exame de corpo de delito. 

Depois permanecerá na Penitenciária Mista de Parnaíba, onde ficará à disposição da justiça, aguardando recambiamento.

A Polícia Civil aproveita o ensejo para solicitar à população local a realização de denúncias anônimas de crimes, medida esta que tem surtido efeito e traz benefícios a sociedade. Para denunciar basta clicar aqui e preencher os campos.

 

Da redação
redacao@cidadeverde.com

"Gêmeo do crime" é baleado e comparsa morto em troca de tiros no litoral do Piauí

Foto: PC-PI

Um suspeito morreu e outro ficou ferido durante ação da Polícia Civil na cidade de Parnaíba, no litoral do Piauí. O baleado foi identificado como Alex dos Santos Nunes conhecido como um dos 'gêmeos do crime'. Ele e o irmão, Alan dos Santos Nunes ( que não foi alvo da operação pois já se encontra preso) ficaram bastante conhecidos após gravarem um vídeo de dentro do presídio no ano passado. 

O suspeito atingido fatalmente foi identificado como Ricardo Pereira de Souza, vulgo Pertubinha, suposto comparsa de Alex que foi baleado. Ambos foram atingidos após reagirem a ação policial na manhã desta sexta-feira (23). Os policiais cumpriam mandados de busca e apreensão e prisão contra o Alex quando houve reação. 

Na casa foram apreendidas armas, munições e uma máscara. Alex foi encaminhado ao  Hospital Estadual Dirceu Arcoverde e não há informações sobre seu estado de saúde. 

Gêmeos do crime

Alex e o irmão Alan (que já está preso) são considerados de alta periculosidade, de acordo com a Polícia Civil.  Entre as ações criminosas atribuídas aos dois estão assaltos a residências de luxo que seriam comandadas pela dupla de dentro do presídio. 

Gêmeos do crime ficaram conhecidos após gravarem um vídeo de dentro do presídio no ano passado

Alex estava foragido do sistema prisional desde fevereiro de 2017, quando fugiu da penitenciária Irmão Guido, em Teresina. A Polícia Civil informou também que ele é suspeito de vários homicídios na cidade de Parnaíba e Luís Correia, bem como envolvimento em tráfico de drogas. 

Nota da Secretaria de Segurança

A Secretaria de Estado da Saúde informa que o paciente Alex dos Santos Nunes, atendido no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba, encontra-se em estado grave. Ele havia recebido três tiros, dois no abdômen e um antebraço direito. 

O paciente está sendo submetido a procedimento cirúrgico, sem previsão de término.

 


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Mototaxista é assassinado com tiro no rosto na cidade de Parnaíba

O homicídio ocorreu no final da tarde desta quarta-feira (21) em um bar da Avenida Prefeito Batista Silva (antiga Rosapólis) em frente ao Colégio Municipal Cândido Athaíde, Bairro São Vidente de Paula, em Parnaíba. A vítima foi atingida com trés tiros na cabeça e um no tórax e seria um mototaxista identificado por Pedro Chaves de Brito, conhecido popularmente como "Pedim", 28 anos, residente na rua Padre Matias, nº 660, bairro Planalto Montserrat, em Parnaíba (PI). Ele fazia ponto próximo a uma lanchonete na Rua Caramuru, Bairro São Francisco da Guarita.

A Polícia Militar foi chamada e isolou a cena do crime para que a Perícia Criminal possa realizar o  trabalho invetigativo. O Instituto Médico Legal (IML) também  foi comunicado para fazer o recolhimento do corpo assim que os peritos liberassem o local.

Segundo informações da Tenente Alexandra do 2º Batalhão de Polícia Militar, a vítima estava bebendo e jogando sinuca quando foi executada. A tenente recebeu a informação de testemunhas presentes a cena do crime que duas pessoas chegaram em uma moto Fan preta e executaram a vítima.

A moto da vítima, uma Yamaha YBR azul foi retirada do local por uma pessoa desconhecida. A perícia recolheu o celular do homem assassinado e estilhaços de bala de calibre ainda não identificado.

A vítima foi atingida com pelo menos 03 disparos de arma de fogo na face e um no tórax a queima. O autor dos disparos trajava camisa azul e após cometer o homicídio evadiu-se com um comparsa tomando rumo ignorado. A Polícia Militar está em diligências na tentativa de capturar os criminosos, mas até o momento sem exito. Anda são poucas as informações sobre o autor dos disparos e seu companheiro na ação criminosa.

A policia investiga para saber a motivação do crime, mas já trabalha com a hipótese do crime ter ligação com  drogas. De acordo com a Polícia Militar, ele tinha envolvimento com o tráfico, mas atualmente, trabalhava como mototaxista.

Fonte: jornaldaparnaiba

Espetáculo teatral aborda desejos íntimos de sete freiras

  • espetaculo_(7).jpg Divulgação
  • espetaculo_(6).jpg Divulgação
  • espetaculo_(5).jpg Divulgação
  • espetaculo_(4).jpg Divulgação
  • espetaculo_(3).jpg Divulgação
  • espetaculo_(2).jpg Divulgação
  • espetaculo_(1).jpg Divulgação

O cotidiano de sete irmãs em hábito de esposas de Jesus. Até que ponto a clausura num convento, a temência a Deus, a abstinência poderão calar os desejos mais recônditos, as fantasias mais profundas, as lembranças mais "quentes" de uma vida profana? 

Escrita pelo dramaturgo cearense Walden Luiz, com direção de Júnior Marks, o espetáculo “As Sete Irmãs” estará em cartaz nos dias 23 e 24 de fevereiro no Teatro SES Avenida, às 19h, em Parnaíba.  A peça é desenvolvida pelo grupo de teatro Humanitas.  

“As sete irmãs” tem sabor de quebra de paradigmas, de mergulho na alma humana em seus mais secretos segredos e desejos, mais íntimas vontades e vaidades. São sete irmãs, sete mulheres, sete vidas que se encontram num mesmo espaço físico e social e que dialogam entre si suas idiossincrasias, suas particularidades, qualidades ou defeitos dependendo do olhar de quem vê. 

“Assim, o texto As Sete Irmãs  traz à tona essas mulheres que se dedicaram à vida religiosa e em determinado momento de suas vidas, como num ciclo de ondas, seus desejos reprimidos, suas vontades insaciadas, seu traumas não resolvidos – todos postos de lado por vontade própria ou por imposição familiar e mesmo até da sociedade - voltam. E como lidar com tudo isso e manter-se fiel ao compromisso religioso? Como administrar essa avalanche de sentimentos tão contraditórios? O que é pecado? O que é ser livre? E como ser pleno e de Deus sendo de si mesmo?”, adianta o grupo Humanitas.

A grande sacada do dramaturgo Walden Luiz é não fazer julgamentos, mas apenas expor a alma dessas mulheres e deixar em aberto para que o expectador reflita e construa o seu pensamento. 

O elenco do enredo religioso conta com os intérpretes Iarla Ribeiro, Sandra Lima, Marcelo Rego, Roger Ribeiro, Solange Santos, Vitorino Rodrigues. Na técnica do espetáculo se revezam os atores Kaio Rodrigues e Leandro Soares. 

Na apresentação em Parnaíba a companhia contará com a participação do ator Rodrigo Serra, parnaibano e diretor do Grupo Sketch de Teatro interpretando a personalização dos desejos das freiras. 

O espetáculo terá ingressos a preços populares.  O grupo de Teatro Humanitas tem 16 anos de atuação. 

 


Da redação
redacao@cidadeverde.com 

Mulher morre em colisão entre carro e moto no litoral do Piauí

Uma mulher morreu em um grave acidente entre as avenidas Governador Chagas Rodrigues com avenida São Sebastião, no município de Parnaíba, litoral do Piauí. O caso ocorreu na noite desta segunda-feira (20). 

A vítima- que não teve a identidade confirmada- pilotava uma motocicleta e colidiu com um carro. 

A suspeita é que um dos condutores tenha invadido o sinal vermelho, o que será apurado pela perícia. Não há informações sobre o condutor do outro carro  envolvido na colisão.

O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal de Parnaíba. 

 

Com informações Notícia da Manhã
redacao@cidadeverde.com

Jovem morre em acidente na ponte de acesso ao Tabuleiro em Parnaíba

Por volta das 22h30 deste sábado (17) o motociclista identificado por Bruno Daniel da Silva Sousa de 24 anos, que andava em uma moto Honda Bros NXR150, vermelha, ano 2005, placa LVJ-0472, sofreu um grave acidente na ponte que liga o Bairro Tabuleiro ao Bairro São José na Avenida Transtabuleiro próximo a empresa de cortume Cobrasil tendo morte imediata no local. O falecimento foi constatado pela equipe do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) que esteve na ocorrência na tentativa de salvar a vítima.

A Polícia Militar juntamente com o SAMU; Polícia Criminal e o IML (Instituto Médico Legal) foram atender a ocorrência para controlar o trânsito, apurar as causas; e remover o corpo da vítima para o exame cadavérico.

Familiares acompanharam as autoridades, colaborando para os tramites legais. A ponte precisou ser interditada até conclusão dos procedimentos. 

“Houve uma perda de controle, por motivos desconhecidos, ele se chocou contra as duas extremidades da ponte, onde encontramos vestígios do lado esquerdo e direito; ele sofreu fratura exposta na perna direita e estava com muitas escoriações", disse o Perito Eduardo Gonçalves.

Populares relatam que ele vinha de uma festa que ocorria na localidade Tabuleiro e estava retornando para sua residência no momento do acidente. Não confirmamos se a vítima havia ingerido bebida alcoólica. O Corpo foi encaminhado para o IML e deve ser liberado para a família.

Segundo a capitã da Polícia Militar Ruthinéia Freitas, o jovem teria saído de uma festa em um sítio no mesmo bairro do acidente e tentou atravessar a ponte em direção ao Bairro São José, quando colidiu em uma depressão, resultado do desgaste da ação do tempo, na emenda da via com a ponte, perdeu o controle e caiu.

Segundo o perito criminal Eduardo Gonçalves, Daniel teve uma fratura exposta na perna esquerda e acredita na possibilidade de haver outras fraturas internas. Informou ainda que a vítima se chocou em ambas paredes da ponte após o descontrole da moto. Com a colisão o capacete se partiu e teve partes fragmentadas, bem como a motocicleta ficou avariada.

Fonte: Jornal da Parnaíba

Vídeo: motorista ultrapassa 10 carros pelo acostamento e PRF flagra

O condutor de um veículo se deu mal ao fazer uma ultrapassagem irregular na BR-343. O motorista- que não teve a identidade revelada- ultrapassou dez carros pelo acostamento e quando pensou que havia se dado bem acabou sendo surpreendido pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). 

O caso foi registrado em vídeo que mostra o acompanhamento e em seguida um policial rodoviário federal dando ordem para que o motorista desça do veículo. 

O flagrante ocorreu na manhã deste sábado (10), no trecho da rodovia que corta a cidade de Parnaíba, no litoral do Piauí. 

Pelo Código Brasileiro de Trânsito, trafegar pelo acostamento é infração gravíssima e a multa é de R$ 293,47 multiplicada por cinco, o que dá o equivalente a  R$ 1. 467,35

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Posts anteriores