Cidadeverde.com

Ministério da Integração estuda liberar R$ 27 milhões para Tabuleiros Litorâneos

O Ministério da Integração Nacional fará reunião na próxima terça-feira (10) com diretores do DNOCS (Departamento Nacional de Obras Contas as Secas), em Brasília, para avaliar a possibilidade de liberar recursos para retomar as obras do projeto Perímetros Irrigados Tabuleiros Litorâneos, em Parnaíba.

A reunião é o primeiro resultado prático da visita técnica do ministro da Integração Nacional, Antônio de Pádua de Deus Andrade, aos Tabuleiros Litorâneos, neste sábado (8). Também participarão do encontro em Brasília representantes da empresa responsável pelas obras dos Tabuleiros Litorâneos, que estão paralisadas desde 2006.

“Um empreendimento desta dimensão tem enorme potencial para beneficiar mais agricultores e criar novas oportunidades na região. Por isso, vamos nos reunir também com a empresa responsável pelas obras e com representantes do Dnocs [Departamento Nacional de Obras Contra as Secas], órgão que responde pela execução e supervisão dos serviços. Queremos assinar o quanto antes a ordem de serviço para a retomada da segunda etapa do perímetro”, afirmou o ministro.

A garantia de investimento federal para a segunda fase é de R$ 27 milhões. O objetivo é estimular ainda mais a fruticultura irrigada e ampliar o potencial de comercialização para mercados internos e externos, gerando novos empregos e renda na região. Após vistoria aos trechos ainda em obras, o ministro Pádua Andrade visitou lotes em operação e esteve numa plantação de acerola orgânica.

“Nós vamos analisar questões jurídicas para avaliar a liberação dos recursos necessários à retomada das obras”, observou ele. Os Tabuleiros Litorâneos precisam de R$ 180 milhões para conclusão das obras da primeira e segunda etapas.

Durante a visita ao local, os irrigantes solicitaram ao ministro pelo menos R$ 35 milhões para concluir as obras da primeira etapa. Antônio de Pádua veio ao Piauí a convite do deputado federal Heráclito Fortes (DEM), que tenta solucionar problemas que impedem a retomada das obras. Ele desembarcou em Parnaíba às 10h40, acompanhado de Heráclito Fortes, e foi recebido pelo prefeito Mão Santa (Solidariedade), secretários municipais e representantes dos irrigantes dos Tabuleiros.

“O ministro ficou impressionado com o potencial produtivo dos Tabuleiros Litorâneos, o que é bastante positivo. Além de tornarem Parnaíba e região grandes produtores de frutas, os tabuleiros litorâneos representam uma perspectiva de geração de emprego e renda. Agora, é trabalhar pelos recursos necessários para a retomada das obras”, disse Heráclito Fortes.

O deputado adiantou que os problemas jurídicos no Tribunal de Contas da União (TCU), que impediam a retomada das obras, já foram resolvidos. Segundo ele, não há necessidade de novas licitações para as obras, o que diminui a burocracia e agiliza a liberação dos recursos.

Tabuleiros Litorâneos

O Projeto Tabuleiros Litorâneos foi iniciado em 1989, ainda no Governo Sarney, com o objetivo de tornar a região Norte do Piauí um centro produtor por meio de sistema de irrigação moderno, semelhante ao que transformou Petrolina, no Pernambuco, num dos maiores produtores de frutas do Nordeste.

O projeto inclui uma área total de 9 mil hectares de área irrigada para produção de banana, acerola, coco, melancia, abacaxi, manga, goiaba e outras frutas. Atualmente, apenas 1.600 hectares dos 2.450 hectares da primeira etapa estão funcionando, com produção principalmente de acerola, banana, abacaxi, coco e melancia, que gera uma receita anual de R$ 34 milhões e 1.400 empregos diretos e 2 mil indiretos.

“Essa região reúne todas as condições para se transformar num grande centro de produção de frutas do Nordeste. E foi para ver isso que trouxemos o ministro aqui”, disse o deputado Heráclito Fortes.

Fonte: jornaldaparnaiba

Incra libera R$ 327 mil para Reserva Extrativista do Delta do Parnaíba

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária no Piauí (Incra/PI) está liberando, já nos próximos dias, R$ 327,6 mil para 63 famílias que vivem na Reserva Extrativista (Resex) Marinha do Delta do Parnaíba. Na manhã do último sábado, 30 de junho, o superintendente regional do Incra/PI, Sérgio Ricardo Soares Viana, esteve na sede da Associação de Moradores e de Pescadores da Ilhas Canárias, uma das ilhas do Delta do Parnaíba, para anunciar a liberação dos investimentos e dar mais esclarecimentos sobre o uso dos recursos em prol do desenvolvimento da região.

Os recursos investidos pelo Incra na comunidade são referentes à operacionalização do Crédito Instalação no Apoio Inicial, cujo valor, por família, é de R$ 5.200,00. Essa linha de crédito oferece condições diferenciadas, como taxa de juros baixa – de apenas 0,5% ao ano – e desconto de até 90% na quitação do valor devido. Além disso, o prazo para pagamento em parcela única é de três anos após a liberação para pagamento.

“É importante frisar que a área da Resex tem algumas peculiaridades. Aqui é um paraíso turístico importante para o Estado do Piauí e esses recursos devem ser utilizados em atividades e equipamentos que respeitem e preservem o meio ambiente, além de outras normas ambientais”, lembrou Sérgio Ricardo.

A gestora da Resex, Tatiana Rehder, destacou a importância da parceria do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) com o Incra. “É uma parceria que tem se fortalecido a cada dia e que tem permitido aos moradores da reserva receberam os mesmos benefícios das famílias assentadas atendidas pelo Incra no Piauí”, afirmou.

O presidente da Associação dos Moradores e Pescadores, José Raimundo Brito de Oliveira, disse que os trabalhadores já sabem como usarão esse crédito que está sendo liberado pelo Incra. “Aqui as famílias exercem a atividade pesqueira, esses recursos serão usados para fortalecer o desenvolvimento econômico de cada família e todos estão orientados a comprarem itens que respeitem a legalidade e que possam contribuir com a melhoria e aumento da atividade de cada um”, disse o líder dos moradores.

Fonte: Ascom

PF deflagra operação no Piauí e mais dois estados para combater contrabando

  • pf7.jpg Blog do Pessoa
  • pf6.jpg Blog do Pessoa
  • pf2.jpg Blog do Pessoa
  • pf1.jpg Blog do Pessoa

A Polícia Federal no Piauí deflagrou operação Conexão Delta das Américas para desarticular duas organizações criminosas especializadas no comércio ilegal de cigarros falsificados, contrabandeados ou irregularmente importados com atuação nos estados do Ceará, Piauí e Maranhão.

A investigação teve início em 2016 e apontou a existência de dois grupos criminosos solidamente estruturados e articulados para promover a distribuição e comercialização de cigarros falsificados, contrabandeados ou importados de forma clandestina. 

Ao todo estão sendo cumpridos 26 mandados de busca e apreensão, 13 mandados de prisão preventiva e temporária expedidos pela subseção judiciária em Parnaíba e executados nas cidades de Parnaíba e Cocal, no Piauí, Sobral e Meruoca, no Ceará. A Justiça determinou também a apreensão de veículos usados como meio de transporte das mercadorias ilícitas, indisponibilidade de bens imóveis e bloqueio de contas dos principais envolvidos no esquema.

Os suspeitos devem responder por contrabando, facilitação ao contrabando, sonegação de tributos, corrupção ativa e passiva, prevaricação, comercialização de produtos sabidamente adulterados nocivos à saúde e lavagem de dinheiro.

A operação conta com 160 policiais federais dos estados do Maranhão, Ceará e Piauí. O cumprimento dos mandados foi realizado em parceria com a Receita Federal e 2º Batalhão da PM. 

O nome da Operação foi inspirado na constatação de que os cigarros clandestinos negociados pelas organizações criminosas investigadas são distribuídos, preferencialmente, na região que compõe o Delta do Parnaíba.


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com 

Flanelinha é encontrado agonizando na Praça da Graça em Parnaíba

Um “flanelinha” identificado como Ismael Irineu Nogueira, 23 anos, conhecido “Camucim” foi encontrado agonizando e com os pulsos amarrados por volta de 1h45 da madrugada desta segunda-feira (02), na praça da Graça, centro da cidade de Parnaíba, no litoral do Piauí. 

A vítima foi atingida com 03 perfurações na altura dos pulmões. Até o momento é desconhecido o autor e o motivo que levou o “flanelinha” a ser lesionado.

Os policiais acionaram os socorristas do Corpo de Bombeiros e do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que fizeram os primeiros socorros e encaminharam a vítima para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde.

De acordo com informações do HEDA, a vítima sofreu duas perfurações com objeto cortante nas costas e uma em um dos braços. Segundo o hospital, o rapaz passou por cirurgia e está em recuperação, mas está consciente.

De acordo com o delegado Rodrigo Melo, da delegacia de Parnaíba, ninguém foi preso até o momento. "A polícia está trabalhando. Até o presentem momento não temos a motivação", disse o delegado.

Com informações do Portal do Catita

Polícia apreende cerca de 200 Kg de drogas e prende três pessoas em Parnaíba


Foto: Arquivo Polícia Civil

A Polícia Civil de Parnaíba realizou nesta quinta-feira (28) uma grande apreensão de drogas na cidade. 

A investigação foi da Delegacia de Combate ao Homicídio, Tráfico de Drogas e Latrocínio de Parnaíba (DHTL), comandada pelo delegado Eduardo Aquino, e resultou na apreensão de aproximadamente 200 Kg de drogas.

Segundo informações confirmadas pelo Delegado Geral Riedel Batista, três pessoas foram presas e levadas para a Central de Flagrantes de Parnaíba. Dos presos, um é homem e duas mulheres.

Além da grande quantidade de drogas embaladas em tabletes, foi apreendido um carro de cor vermelha e placa de Suzano, São Paulo.

Ainda de acordo com o delegado geral, esta é a maior apreensão de drogas do ano no estado do Piauí.

“Essa operação tem como objetivo combater o tráfico, principalmente nesse período de férias”, diz o delegado.

Nas próximas horas, a Polícia Civil dará mais detalhes sobre a operação em Parnaíba.


Foto: Arquivo Polícia Civil


Foto: Arquivo Polícia Civil


Foto: Arquivo Polícia Civil

 

Rodrigo Antunes
redacao@cidadeverde.com

Carro colide em trator na estrada da Praia da Pedra do Sal

Um carro colidiu em um trator na quarta-feira (27), na PI-116, estrada da Praia da Pedra do Sal. O carro  um Fiat / Pálio Fire Way, modelo 2016, de cor cinza, de placas PSO 1969 Presidente Dutra (MA). Os veículos envolvidos seguiam rumo ao perímetro urbano de Parnaíba quando houve a colisão.

Segundo o cabo Antônio Mendes, do Pelotão de Policiamento de Trânsito (PPTRAN), o carro colidiu na traseira do trator e a causa do acidente ainda será averiguada. Os veículos ficaram muito danificados. O trator, conduzido por Carlos Alberto da Costa Silva, ficou na rodovia estadual; mas o carro caiu abaixo na ribanceira.

As vítimas foram retiradas das ferragens pelo Corpo de Bombeiros Militar (CBM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Os condutores foram encaminhadas para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA) e não correm risco de morte. Já no Pronto Socorro foi constatado que o condutor do carro não estava embriagado.

 

Fonte: Portal Costa Norte

Aeronave decola em Parnaíba e cai na praia em Fortaleza

Segundo informações a aeronave decolou neste sábado (24) pela manhã do aeroporto internacional Dr. João Silva Filho em Parnaíba, com destino a Fortaleza-CE, fez um pouso em Camocim, região Norte do Estado do Ceará, onde deixou os passageiros que embarcaram em Parnaíba e seguiu para Fortaleza.

Uma pane acabou forçando o piloto a fazer uma manobra de emergência, jogando o avião no mar na Praia do Mucuripe, em Fortaleza. A aeronave bateu de bico, virou e ficou emborcada. 

Segundo informações, não houve registro de nenhuma vítima mais grave. No momento do acidente somente se encontrava a bordo o piloto Clóvis Sérgio Ciarlini (Cocó) de 68 anos, que foi resgatado com vida, estava consciente, orientado e com apenas ferimentos leves. A vítima não quis falar sobre o acidente.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros Militar foi acionado para o local.

Fonte:jornaldaparnaiba

Hospital de Parnaíba será totalmente climatizado

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, entregou nesse sábado (23), climatizadores de ar para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), em Parnaíba. Com essa iniciativa, a unidade passará a ter climatização em todas as enfermerias, que contam com mais de 100 leitos. Além disso, foi inaugurada a Sala de Estabilização Pediátrica e entregues equipamentos eletrônicos para o setor de Nutrição.

Os equipamentos integram a segunda etapa do Programa Renova Saúde que, na primeira fase, entregou mais de R$ 12 milhões em toda a rede hospitalar piauiense. Somente no HEDA, já foram investidos mais R$ 1,6 milhão em equipamentos de ponta, como o de vídeolaparoscopia, que permite a realização de cirurgias minimamente invasiva.

“São investimentos quinzenais que temos feitos aqui no HEDA”, afirma Florentino. “Já era uma preocupação nossa em dotar de climatizadores em todo Hospital. Hoje, com a entrega de climatizadores, poderemos climatizar 100% das enfermarias”, completou o secretário. 

O gestor também inaugurou a Sala de Estabilização Pediátrica. “Essa Sala é de fundamental importância para o HEDA, que vai permitir o melhor atendimento às crianças que chegam aqui e precisam de assistência de urgência e emergência”, afirmou. Além disso, foram entregues equipamentos para o setor de Nutrição. 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Vigia de posto baleado na cabeça em assalto passa por cirurgia

É grave o estado de saúde do vigilante Raimundo Nonato Sousa, 46 anos, que levou um tiro na cabeça, na noite de ontem(22) enquanto trabalhava em um posto de combustível, no bairro Rosápolis, em Parnaíba (a 306 km de Teresina). 

De acordo com um funcionário do posto, que não quis ser identificado, os quatros bandidos já haviam feito o assalto ao frentista quando o vigia, que havia acabado de assumir o posto, apareceu. 

“Ele estava saindo do banheiro e quando viu tentou correr. Ele nem chegou a reagir, atiraram nele de costas, e já tinham assaltado”, afirma. 

O funcionario disse que tem oito meses que trabalha no local e que neste período este é segundo assalto. “Sempre acontece no horário perto do posto fechar, que fechamos às 22 horas. O frentista que vai ficar hoje está apavorado”, relata o funcionário. 

Ele afirma que não sabe quanto levaram do frentista e nem se a vítima sabe identificar os bandidos. “Não falamos com ele e acredito que ele não venha trabalhar esses dias”, revela.

O vigia foi socorrido pelo Samu e encaminhado para o Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (HEDA), onde fez uma tomografia ontem, passou pela a avaliação do neurologista e hoje às 9 horas entrou no centro cirúrgico. 


Caroline Oliveira
carolineoliveira@cidadeverde.com

PF prende falsário que se passava por médico, coronel e jornalista

Foto: Google Maps

Um gaúcho de 49 anos, de iniciais C.R.F.S.,foi preso pela Polícia Federal em Parnaíba (a 306 km de Teresina) suspeito de se passar por médico, coronel da polícia, massoterapeuta e jornalista. O falsário é condenado por assalto a banco no Mato Grosso e cumpria regime aberto. 

A prisão em flagrante aconteceu após ele prestar um suposto atendimento médico a um cidadão parnaibano. 

Um mandado de busca e apreensão expedido pela 2ª Vara Criminal foi cumprido na casa do suspeito, no bairro Planalto. A residência era alugada e ele morava com a mulher que se passava por juíza federal. 

O falsário ainda informou estar atuando como radialista há dois meses e prestava serviços de massoterapia em domicílios da cidade.

De acordo com a Delegacia da Polícia Federal, o falsário já possui inúmeros registros criminais em todo o território nacional, por estelionato, uso de documento falso e assalto a mão armada. Ele ainda está cumprindo pena em regime aberto por um roubo a banco praticado no estado de Mato Grosso. 

A polícia comunicou a prisão à Vara das Execuções Penais por onde tramita o processo para possível expedição de mandado de prisão, pois ele não poderia se ausentar daquela cidade sem autorização judicial.

Algumas vítimas já foram identificadas e estão prestando depoimento nos autos do inquérito. O preso foi recolhido à Penitenciária Mista de Parnaíba onde permanecerá a disposição da Justiça Federal (flagrante) e da Vara de Execuções Penais (revisão do regime de cumprimento da pena por roubo).


Da redação 
redacao@cidadeverde.com

Posts anteriores