Cidadeverde.com

PRF apreende o equivalente a mais de um campo de futebol de madeira ilegal

Foto: divulgação PRF-PI

A Polícia Rodoviária Federal (PRF-PI) apreendeu 17,21 m³ de madeira ilegal (estacas de sabiá), o equivalente a 1,16 hectares de área a ser recuperada, ou seja, mais de um campo de futebol. O flagrante ocorreu na BR-343, na cidade de Piripiri, no interior do Piauí, durante o fim de semana. 

De acordo com os documentos apresentados pelo motorista, a carga vinha da cidade de Crateús/CE e tinha como destino final o município de Eunápolis/BA. Contudo, os policiais verificaram inconsistências na documentação e rota do veículo.

"O motorista não trafegava pela rota descrita nos documentos e foi possível constatar que não havia carimbo de passagem em Posto Fiscal da Sefaz-PI ou Sefaz-CE, o que reforça a hipótese de que a carga na verdade teria origem no estado do Piauí e não no estado do CE, corroborando com a fraude na origem da madeira", informou a PRF-PI.

Ao ser indagado, o motorista- que tem 41 anos- apresentou sinais de nervosismo e informou que o caminhão teria sido carregado no Piauí, que não passou por nenhum posto fiscal da Sefaz e que estava vindo da cidade de Piracuruca-PI.

Diante dos fatos, foi constatado o crime ambiental, conforme Art. 46 da Lei Nº 9.605/98 e apreendidos 17,21m³ de madeira (estacas de sabiá), que equivalem a 1,16 hectares de área a ser recuperada, ou seja, mais de um campo de futebol.

Toda a carga de madeira juntamente com o veículo foram encaminhados aos órgãos ambientais, para os procedimentos cabíveis. Ele deve responder por crime ambiental e uso de documentação falsa.

 

Da Redação
[email protected]