Cidadeverde.com

Floriano pactua leitos em hospital privado para diminuir fila de espera

O município de Floriano em parceria com o governo do estado vai pactuar 25 leitos clínicos em um hospital particular para pacientes com a covid-19. A medida tem como objetivo diminuir a fila de espera por internação no Hospital Regional Tibério Nunes (HRTN), que também ganhará cinco novos leitos de UTIs, totalizando 25. Nesta sexta-feira (26), 16 hospitais estão com 100% dos leitos de UTI todos ocupados. As unidades tratam pacientes de norte a sul do Piauí. 

Uma reunião na manhã de hoje fechou a instalação dos leitos. Participaram o secretário de saúde do estado, Florentino Neto; o prefeito de Floriano Joel Rodrigues, além do secretário de saúde da cidade, James Rodrigues, e o diretor do Hospital Infantil de Teresina e integrante do COE, médico Vinicius Pontes.

Fotos: Ascom/Sesapi

“Definimos hoje a ampliação de 25 leitos clínicos para Floriano. Como nós temos uma fila de espera na regulação, ajudará a receber esses pacientes que estão na fila. Os leitos de UTIs vão para o Tibério Nunes e os 25 clínicos para um hospital particular”, disse ao Cidadeverde.com o secretário de saúde de Floriano, James Rodrigues.

Os leitos clínicos possuem suporte com catéter nasal para os pacientes, bem como máscara de oxigênio. Os primeiros pacientes devem ser transferidos na quarta-feira, dia 31 de março.

“Os pacientes serão admitidos no Tibério Nunes e encaminhados para o hospital privado. São pacientes moderados que não precisam de ventilação mecânica”, explica, ressaltando que sai mais barato para o poder públicos pactuar os leitos.

“O Estado vai custear e sai muito mais barato que abrir um hospital de campanha. Imagine a agonia de uma pessoa estar com covid e não ter para onde ir”, declarou.

O secretário, que se recuperou da doença recentemente, alerta para as mutações do coronavírus. “A minha avaliação é de quem viveu a covid recentemente. A doença se apresenta de forma diferente e muito mais grave. Em um momento como esse, de gravidade, é necessária a contenção, pois poderemos correr o risco de ter paciente agonizando no interior esperando uma vaga de um leito clínico”, destacou.

O prefeito de Floriano, Joel Rodrigues afirma que a parceria é importante para a cidade. “É um momento de muita alegria essa integração de governos estadual e municipal. Os leitos a mais vão dar uma maior tranquilidade para nosso município nesse período da pandemia”, diz o gestor. Em Floriano, o número de casos chega a 6.176 pessoas contaminadas com 94 óbitos.

O secretário Florentino Neto ressaltou a importância do diálogo com o prefeito Joel Rodrigues para o enfrentamento da Covid. “O governador Wellington Dias está atento e sensível para garantir a assistência aos piauienses. Teremos mais leitos, mas é importante reforçar o apelo à sociedade para adesão às medidas de prevenção ao contágio como forma de se proteger. Nunca é demais pedir para continuar usando máscaras, álcool em gel, manter o distanciamento e também pensar nos profissionais da saúde que atuam nos hospitais”, disse Florentino.

Hérlon Moraes
[email protected]