Cidadeverde.com

Hospital desiste de B.O. contra paciente e orienta sobre doações

Foto: ascom/Sesapi

A diretoria do Hospital Regional Tibério Nunes, por volta das 16h20 deste sábado (01), emitiu uma nova nota de esclarecimento e informou que não procederá mais com o registro de Boletim de Ocorrência contra uma paciente, a professora Cláudia Alvarenga, que decidiu motivar  uma campanha de doação de material de limpeza à unidade de saúde, localizada no município de Floriano. 

Na nota, a direção “esclarece que qualquer iniciativa para doações deve ser comunicada oficialmente à equipe técnica, para que juntos, direção e proponentes, discutam alternativas para sanar as deficiências pelas quais passa a instituição”. 

“Informa também que no orçamento financeiro do Hospital é disponibilizado recurso mensal para aquisição de material de limpeza, alimentação, insumos e medicamentos. As faltas que se observam são pontuais, devido principalmente à grande demanda de pacientes vindos de mais de 200 municípios, com pico de até 17 mil pacientes atendidos por mês”, detalhou a nota.

Durante a campanha, a professora Cláudia Alvarenga denunciou que aguarda há oito meses por uma cirurgia de fêmur e de enxerto por complicações em um acidente de trânsito em 2017.

Segundo a organizadora, o objetivo da ação era reforçar as condições de limpeza da unidade "em um ambiente não sujeito a infecção hospitalar", explicou a professora que desde o acidente se locomove em cadeira de rodas.

A campanha, que pedia desde detergentes neutros e água sanitária até luvas, enceradeiras e lavadoras, foi cancelada pela professora. 

Sobre a cirurgia da paciente, a direção do hospital esclareceu  que “já foi realizado o pedido para aquisição da placa, material imprescindível para o procedimento e que, nesse caso, é confeccionada sob medida. O prazo dado pelo fornecedor é que seja entregue ainda na primeira quinzena de junho. Tão logo a placa seja entregue, a paciente será internada para exames pré-operatórios, como avaliação de riscos cardiovasculares”.

 

Carlienne Carpaso
[email protected]