Cidadeverde.com
Esporte

Jogos difíceis marcam tarde de domingo no torneio de duplas

Imprimir
O sol forte não deu trégua para os atletas que disputam na tarde deste domingo as quartas de finais e semifinais do Cidade Verde Juniors Cup, etapa piauiense do Circuito Nacional Correios Infanto-Juvenil de Tênis. 

Fotos: Evelin Santos/Cidadeverde.com

Dos jogos na categoria 12 anos, os goianos André Rapcham e Pedro Augusto tiveram dificuldades para passar pelo brasiliense Rodrigo Partier e o maranhense Vinicius Patrocínio. No primeiro set, os goianos venceram por 6/3, em cima dos erros de saque da dupla adversária, que conseguiu acertar no segundo set e fechou a parcial em 6/4. 

“Errei muito voleio, eles estavam jogando bem”, disse Pedro Augusto que acertou no tie break e a dupla goiana conseguiu fechar por 10/4. Para André Rapcham o sol não está sendo um empecilho. “Na minha cidade [Miguaçu-GO], o calor é parecido. Já estou acostumado. Não está me prejudicando”, afirmou. Agora a dupla vai para a final. 

André e Pedro Augusto com o treinador
 
Os paulistas Rafael Pereira e Felipe Viana venceram por dois sets a zero a dupla formada pelo cearense João Castro e Luiz Felipe Maia, com parciais 6/0 e 6/4.

Categoria 14 anos

Outro jogo difícil foi das duplas paulistas Gabriel Silva e Alec Yokochi contra João Felipe Hueb e Felipe Carvalho, na categoria 14 anos. Todos treinam juntos e estão sob a supervisão do mesmo técnico. Gabriel e Alec saíram na frente no primeiro set com 6/4, mas Felipe e João conseguiram se recuperar no segundo, com parcial de 6/4, já no super tié break, Gabriel e Alec foram melhores, mas o jogo foi duro e fecho 10/7. 


Também na categoria 14 anos, os paranaenses Henrique Baggio e Vitor Laporte enfrentaram o também paranaense Karl Udo Júnior e o carioca Leonardo Correia e perderam por 2 sets a zero, com parciais 6/3 e 6/4. “Estávamos bem entrosados, apesar de nos ter conhecido aqui, depois que ganhei dele no torneio simples”, disse Leonardo que fez dupla com seu adversário (Karl) no jogo individual.   


O piauiense Lucas Almeida e o goiano Armando Ferreira passaram pelo paraense Nelson Gomes e o piauiense José Ulisses Oliveira por parciais 6/0 e 6/0. 

Mesmo sentindo uma contusão, o alagoano Arthur Silva conseguiu terminar o jogo com seu parceiro e conterrâneo Bruno Calheiros, mas perderam para os cariocas Bernardo Neves e Igor Catanhede por 6/1 e 6/2.

Categoria 16 anos

A dupla formada pelo paulista Alejandro Padilha e catarinense Bernardo Oliveira derrotou os cariocas Chistian Relvas e Brunno Storani por dois sets a zero, com parciais 6/3 e 6/4. Bernardo, que é o 59 no ranking da Confederação Brasileira de Tênis (CBT), está no seu décimo quinto torneio no ano de disse que o calor atrapalhou muito, mas é sempre importante participar.

De frente: os cariocas Relvas e Storani que perderam para Alejandro e Bernardo que estão de costas

“Serve para ganhar experiência. Saber o que fazer nos jogos difíceis, como começar e fechar um jogo”, destacou o catarinense. 
 
Os paulistas Vitor Albanese e Lucas Bocaletto venceram o paranaense Lucas Norbiato e o gaúcho Guilherme Cunha por parciais 6/3 e 6/1. Outra dupla paulista, Bruno Figlia e André Figueira, também venceu por dois sets a zero o cearense Jhon Lenon Cruz e o pernambucano José Iamuti, com parciais de 6/1 e 6/3. 



Caroline Oliveira
Imprimir