Cidadeverde.com
Geral

Pacientes com câncer serão beneficiados em programa habitacional

Imprimir

Um empreendimento habitacional voltado para beneficiar famílias assistidas pela Rede Feminina de Combate ao Câncer do Piauí (RFCC-PI) e que possuem um membro familiar em tratamento oncológico acolhido no Lar de Maria, será subsidiado pelo programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), por meio da Gerência de Habitação da Caixa Econômica Federal. 

A voluntária da RFCC-PI, Francisca Tupinambá participou do lançamento da terceira etapa do programa em Brasília. A RFCC-PI propôs o empreendimento denominado Condomínio BEM ME QUER I para financiamento de 26 casas.

As comissões formadas por representantes dos pacientes e representantes da RFCC-PI para realizar o acompanhamento do projeto Minha Casa Minha Vida Entidades foram eleitas nesta quinta-feira (05). Duas comissões foram formadas, cada uma composta por três membros, que irão acompanhar as obras e fiscalizar a administração dos recursos empregados. 

“Cada comissão terá um papel específico nesse processo. Será um trabalho fundamental de acompanhar as obras, visitar, fiscalizar a compra de materiais e também como serão aplicados os recursos financeiros”, esclareceu a presidente da RFCC, Carmen Campelo.

A Comissão de Acompanhamento da Obra (CAO) é formada por Cláudia Maria Gomes, Ana Cléia Ribeiro Gomes – representando os pacientes, e Maria José Portela – voluntária da RFCC. O outro grupo é a Comissão de Representantes do Empreendimento (CRE), formada por Oscar Silva Franco, Lucilene Auseni da Silva – representantes dos pacientes, e Magali Rios Carneiro Soares – tesoureira da Rede. 

“Um ponto importante é que o acompanhamento das comissões vai se dar desde agora até a fase pós-obra”, disse a voluntária Maria José Portela.

 

[email protected]

Imprimir