Cidadeverde.com
Destaques da TV

Águas de Teresina: Diretor diz que consumo deve aumentar 20% no B-r-ó Bró

Imprimir

O diretor executivo da Águas de Teresina, José Airton Rodrigues, afirmou que o consumo no B-r-ó Bró deve aumentar, em média, cerca de 20% na capital. Em entrevista ao Programa Notícia da Manhã de hoje, que a empresa desenvolveu um plano de ação, inclusive pensando no período mais quente do ano, com o objetivo de aumentar a disponibilidade de abastecimento e a qualidade dessa distribuição em Teresina.

Nesta quarta-feira (6), está completando dois meses que a empresa Águas de Teresina iniciou os serviços de concessão da gestão de abastecimento de água e saneamento básico na capital, através de Parceria Público Privada.

“O consumo aumenta, não temos ainda o número exato, mas por experiência em outras cidades que têm o mesmo perfil de consumo, isso pode chegar a 20% do consumo que seria a média anual”, afirmou o diretor.

De acordo com José Airton, ações emergenciais estão sendo tomadas e devem ser concluídas no final de setembro ou até, no máximo, o início de agosto, para resolver “problemas crônicos” de abastecimento em certas regiões.

“Há essa preocupação em fazer o abastecimento nesses locais de problemas crônicos e estamos fazendo melhorias, operando em plena carga e em breve estará garantida a qualidade de atendimento”, garantiu o diretor.

Ele elencou as ações que estão sendo desenvolvidas.

“Vamos fazer agora uma ação nos próximos dias para resolver o problema da Região do Grande Dirceu, que tem o maior problema de abastecimento nesse período, vamos construir uma estação de bombeamento próximo a beira rio que vai melhorar e muito a distribuição. Estamos trabalhando também na região do Vale do Gavião, para resolver o problema daquela região e ajudar toda a região leste da cidade, no noroeste e lá na região do Meio Norte, nós estamos fazendo a interligação de um poço ao sistema do abastecimento. 

_E na região Norte, que é a região da Santa Maria da Codipi e Jacinta Andrade, estamos concluindo a ETA (Estação de Tratamento) e vamos fazer, além da estação de bombeamento, a instalação do reservatório do Jacinta Andrade”, destacou.


José Airton acrescentou que todas as informações aos usuários estão sendo prestadas através do  0800 223 2000 ou 115 e toda reclamação esta sendo atendidas. 

“Algumas despendem de tempo, algumas solicitações e serviços precisam de um período de médio prazo para serem resolvidas, porque são obras de centros de abastecimento, por exemplo, que ficaram muito tempo para se fazer intervenções. Não é por questão de dinheiro, mas é porque se leva tempo para se fazer mesmo, só que nos próximos meses Teresina terá um melhor sistema de abastecimento”, garantiu.

Além disso, José Airton acrescentou que em casos de desabastecimento, a empresa manda um técnico ao local para verificar e resolver o problema e que, às vezes, quando não pode ser resolvido com rapidez, pode ser enviado até um caminhão pipa para realizar a distribuição.


Lyza Freitas
redacao@cidadeverde.com

Imprimir