Cidadeverde.com
Geral

HUT confirma que folião baleado na Banda Bandida perdeu parte do intestino

Imprimir

O folião Paulo Roberto Rodrigues da Costa, 35 anos, baleado durante um tiroteio que aconteceu na prévia carnavalesca Banda Bandida, no Centro de Teresina, perdeu parte do intestino. A informação é do Hospital de Urgência de Teresina, onde a vítima está internada. 

O caso aconteceu na noite do último (13). O autônomo foi atingido com três tiros na coxa, abdômen e no tórax.

O diretor do Hospital de Urgência de Teresina, Gilberto Albuquerque, afirma  que o estado do paciente é estável e a previsão é de alta hospitalar ainda nesta semana. 

"Ele foi atingido no tórax e no cólon. Foram necessárias duas cirurgias. Ele está estável  e consciente. Se tudo ocorrer bem deve ter alta em cinco dias", explica o médico .  

Jardel de Oliveira Marques, 25 anos, o segundo folião que deu entrada no HUT, foi alvejado na coxa. Após ser submetido a sutura e a exames médicos, ele teve alta ainda na manhã de ontem (14).

Além de Paulo Roberto e Jardel, um terceiro folião, que não teve identidade revelada, também foi baleado durante a prévia carnavalesca. 

Paulo Roberto foi atingido com cinco tiros (foto:arquivo pessoal)

A Polícia Militar atendeu a ocorrência e ainda não sabe dizer a motivação do tiroteio. Um suspeito, conhecido como “Felipe Peixe” foi autuado em flagrante. 

Segundo o coordenador de Operações da Polícia Militar, coronel Alberto Menezes, Peixe confessou que disparou tiros na festa junto com um amigo, um cabo do Exército lotado no 2º Batalhão de Engenharia de Construção do Exército Brasileiro (2º BEC).

A expectativa da polícia é de que o militar se apresente ainda nesta segunda-feira (15) às autoridades policiais.  


Graciane Sousa e Izabella Pimentel 
[email protected] 

Imprimir