Cidadeverde.com
Esporte

Hamilton diz que F-1 vai sentir falta de Raikkonen

Imprimir

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS)

Em um momento em que a Fórmula 1 vive a expectativa por uma possível troca de Kimi Raikkonen por Charles Leclerc na Ferrari, o britânico Lewis Hamilton disse que a categoria sentiria falta do finlandês caso a mudança se concretize.

Hamilton lembrou que, quando jogava videogame, escolhia a McLaren de Raikkonen, que está na Fórmula 1 desde 2001, com uma pequena interrupção em 2010 e 2011. O finlandês conquistou o título de 2007, com a Ferrari.

"Eu acho que é sempre uma pergunta difícil de responder se você sente falta de alguém. Eu acho que o esporte naturalmente sentiria falta dele, sim. Eu nunca fiz segredo de que antes mesmo de chegar à Fórmula 1, quando estava jogando o PlayStation, sempre fui Kimi na McLaren, imaginando que era eu", disse, em declarações publicadas pelo site "Motorsport".

"Então lembro do primeiro carro que dirigi na McLaren, que era a configuração de Kimi e a suspensão que ele usaria. Foi uma experiência incrível e foi legal porque acho que nosso estilo de direção era meio parecido. Ele teve uma carreira incrível e foi uma grande honra competir contra um grande finlandês como ele", completou.

Oficialmente, a Ferrari ainda não se pronunciou sobre a troca que é vista como quase certa pela imprensa especializada em automobilismo. A tendência é que, caso realmente deixe a escuderia, Raikkonen anuncie o adeus definitivo da categoria aos 38 anos.

 

Imprimir