Cidadeverde.com
Geral

Cinco são conduzidos por suspeita de crime ambiental no Piauí

Imprimir
  • opertacaops.jpg PRF-PI
  • opercaoprffa.jpg PRF-PI
  • opercaoprf1.jpg PRF-PI
  • prfopera.jpg PRF-PI
  • opercaoprf.jpg PRF-PI

Cinco suspeitos de crimes ambientais no Sul do Piauí foram conduzidos para a delegacia durante a operação Sustentare deflagrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Civil do Piauí com apoio da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Semar).

A operação foi deflagrada nos municípios de Avelino Lopes, Júlio Borges, Curimatá, Morro Cabeça no Tempo, Gilbués e Floriano e teve como objetivo o combate e prevenção de crimes na região, com ações relacionadas a infrações de trânsito, crimes ambientais, excesso de peso, transporte irregular de madeira, produtos perigosos e no combate aos crimes de roubo, furto e receptação de veículos, caracterizando crimes contra a ordem tributária e econômica, além de infrações administrativas.

A operação resultou ainda na aprensão de 85 toneladas de madeira cerrada sendo transportada de forma ilegal, além do resgate de animais silvestres e demolição de duas carvoarias. 

 

BALANÇO DA OPERAÇÃO

- Apreensão de animais silvestres abatidos, prontos para consumo;

- Resgate de nove cotias e 25 pássaros a ser reinseridos na natureza;

- Apreensão de 9 m³ (12 toneladas) de madeira do tipo Aroeira extraído sem autorização;

- Demolição de duas carvoarias clandestinas que estavam utilizando ipê, madeira nobre, para a fabricação de carvão;

- Apreensão de duas motosserras;

- Apreensão de 81 m³ (85 toneladas) de madeira cerrada sendo transportada de forma ilegal, identificada através de análise macroscópica pelos agentes Semar;

- Multas no total de R$ 57.300,00 a ser recolhido em favor do fundo estadual do meio ambiente, além de várias multas por infração ao CTB;

- Cinco pessoas encaminhadas para a Polícia Civil;

- Duas motocicletas apreendidas com suspeitas de inautenticidade de seus elementos identificadores;

 

Da Redação
redacao@cidadeverde.com

Imprimir