Cidadeverde.com
Geral

"Violência psicológica está na Lei Maria da Penha e deve ser denunciada", alerta MP

Imprimir

Com a hashtag #ElaCuidadaMente, a 10ª Promotoria de Justiça – do Núcleo de Promotorias de Justiça de Defesa da Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (NUPEVID) -, do Ministério Público do Piauí (MPPI), promoveu, nas redes sociais, uma campanha com foco no enfrentamento à violência psicológica contra as mulheres, em alusão à campanha Janeiro Branco.

A campanha #ElaCuidadaMente promove mensagens de reflexão, principalmente para mulheres – foco de trabalho do Nupevid - sobre cuidados com a sua saúde mental, levando em consideração a batalha contra relacionamentos abusivos, que resultam em muitos casos de agressões psicológicas contra a vítima, causando danos à sua saúde emocional, mental e física.  Casos que são poucos denunciados ou não têm o apoio necessário de outras pessoas.

A coordenadora da campanha, promotora Amparo de Sousa Paz, da 10ª Promotoria de Justiça do NUPEVID, explica que através de ações e publicações ilustrativas nas suas redes sociais, o NUPEVID busca levar palavras de apoio e informações para fortalecer o enfrentamento contra a violência.

“A violência psicológica está prevista na Lei Maria da Penha e deve ser denunciada. A vítima dificilmente se dá conta das agressões, como, por exemplo, situações em que o agressor se utiliza de palavras depreciativas para diminuir a autoestima da mulher com xingamentos, culpabilização de atos ou qualquer outro tipo de ofensa. Isso vai prejudicando a mente da vítima, o seu emocional, o que pode causar sérios danos psicológicos na tentativa de fragilizá-la e desencorajá-la para também não denunciar outros tipos de violências”, ressalta a promotora Amparo de Sousa Paz.

Foto: Ascom

A campanha #ElaCuidadaMente esclarece a importância de dar atenção aos cuidados com a saúde mental, mas, principalmente, não permitir situações de agressões psicológicas ou relacionamentos abusivos e denunciar para a Central de Atendimento à Mulher - Ligue 180.


Da redação
redacao@cidadeverde.com

Imprimir