Cidadeverde.com
Esporte

Sánchez afirma que Santos é favorito no clássico com o São Paulo

Imprimir

Foto: Ivan Storti/Santos FC

 

O meio-campista Carlos Sánchez acredita que o Santos é favorito a vencer o clássico contra o São Paulo, neste domingo, no Pacaembu, pela terceira rodada do Campeonato Paulista. Nos dois primeiros jogos pela torneio, a equipe do uruguaio venceu a Ferroviária por 1 a 0, na Vila Belmiro, e o São Bento por 4 a 0, fora de casa, campanha inferior apenas à do próximo adversário.

"Para nós, somos sempre favoritos. Estamos em um clube grande, queremos ser protagonistas e temos de pensar em nosso time. Mas o nosso rival é de muita qualidade e de respeito", comentou Sánchez, ex-jogador do Monterrey, do México. 

O meio-campista vai voltar a enfrentar Tiago Volpi, que até o fim de 2018 defendia o Querétaro e agora é o goleiro do São Paulo. "Nós nos enfrentamos muitas vezes, mas não há revanche. Vou me focar em fazer meu trabalho e ele o dele. No México, ganhei e perdi dele. Espero que conquistemos a vitória no domingo", disse o uruguaio, que neste início de torneio já contou com a companhia em campo de outros estrangeiros, como o venezuelano Yeferson Soteldo, do colombiano Jonathan Copete e do paraguaio Derlis González.

Entre estrangeiros, o Santos também conta com o zagueiro colombiano Felipe Aguilar, recém-contratado, o meia costa-riquenho Bryan Ruiz e o treinador argentino Jorge Sampaoli, além de outros membros da comissão que são compatriotas do técnico.

"O estilo de Sampaoli é nos deixar jogar livres. Sabemos o que temos de fazer no jogo. Ele nos deixa jogar com muita tranquilidade. Com foco no trabalho da semana, chegamos com confiança para aplicar isso nas partidas", explicou Sánchez.

Fonte: Estadão Conteúdo

Imprimir