Cidadeverde.com
Geral

PRF suspende radares móveis das rodovias federais que cortam o Piauí

Imprimir

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) já suspendeu o uso de equipamentos medidores de velocidade estáticos, móveis e portáteis nas rodovias federais que cortam o Piauí. A medida ocorreu após despacho públicado no Diário Oficiail da União nesta quinta-feira (15) por determinação do presidente da República Jair Bolsonaro que anunciou em visita ao Piauí a suspensão dos 'pardais' nas BRs.

Em nota à imprensa, a PRF informou que o uso dos equipamentos permanecerão suspensos até que o "Ministério da Infraestrutura conclua a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas". 

Especialistas em trânsito criticam a medida do presidente Bolsonaro e acreditam que a suspensão dos 'pardais' terá como consequência o aumento de acidentes, inclusive, com vítimas fatais. 

"Sou a favor que continuemos com os radares, mas tem que ver o local ideal. Uma BR em que não tenha casa ou população ao redor, não acho necessário. Contudo, na zona urbana, onde há um fluxo de pessoas muito grande é importante ter o radar, justamente, para que se controle a velocidade e a gente não veja tantos acidentes como acontecem nas BRs", disse o especialista em trânsito Sandro Costa.

Por determinação do presidente, a partir da próxima segunda-feira (19) todos os pardais devem ser suspensos efetivamente em todas as rodovias federais do país. 

 

Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Imprimir