Cidadeverde.com
Geral

Miguel Nicolelis: 'Ou Lockdown ou não daremos conta de enterrar os mortos'

Imprimir

Foto: Danilo Verpa/Folhapress

O neurocientista Miguel Nicolelis, coordenador do Comitê Científico de Combate a Covid-19 do Consórcio Nordeste, defendeu a decretação de lockdown no País para evitar um colapso sanitário, social e econômico. 

Considerado um dos 20 maiores cientistas do Século XX pela revista Scientific American, Miguel Nicolelis usou suas redes sociais para fazer o apelo. 

“Acabou. A equação brasileira é a seguinte: Ou o pais entra  num lockdown nacional imediatamente, ou não daremos conta de enterrar os nossos mortos em 2021”.

O médico lembrou a Inglaterra que já decretou o terceiro lockdown nacional para conter o crescimento dos casos e que aqui no Brasil “a palavra lockdown virou palavrão para gestores”. Enfatizou que “o coronavírus se beneficia da inoperância, omissão e ignorância rampantes”.

Segundo o neurocientista, o Brasil precisa criar uma Comissão de Salvação Nacional.

“Passamos de todos limites aceitáveis de estupidez. Estamos correndo o risco de entrar em colapso sanitário, social e econômico em 2021. O Brasil está na UTI e o diagnóstico é falência terminal de múltiplos órgãos”, disse. 

O Brasil já contabiliza 197.777 óbitos desde o começo da pandemia. Com isso, a média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de 723, a maior desde 24 de dezembro, antes dos feriados de fim de ano. Já são 7.812.007 brasileiros com o novo coronavírus.

O médico também confirmou o lançamento do seu livro para junho intitulado “O verdadeiro criador de tudo”. O livro fala de suas pesquisas sobre o cérebro. 

 

Flash Yala Sena
[email protected]

Imprimir