Cidadeverde.com
Política

No Piauí, ministro das Comunicações critica CPI e governadores

Imprimir

 

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, saiu em defesa das ações do Governo Federal durante o combate a pandemia e fez criticas aos trabalhos da CPI da Covid-19, que acontece no Senado Federal.  Em sua fala, durante a solenidade de inauguração da ponte que liga Santa Filomena a Alto Parnaíba, na manhã desta quinta-feira(20), o ministro também rebateu as críticas sobre o uso de cloroquina, defendida pelo presidente. 

"Quem decide quem toma cloroquina ou não é o médico, e o presidente defende a liberdade, a escolha do médico", disse. 

Fábio Faria também saiu em defesa de Carlos Bolsonaro, filho do presidente da República, que também marca presença na solenidade de hoje. 

"A gente está vendo na CPI que o filho não pode ficar perto do pai. Eu quero saber se o senador Renan não conversa com o filho dele? Quero saber se os senadores que estão na CPI não conversam com seus filhos?", questionou. 

Foto: Isac Nóbrega/PR

O ministro das comunicações também fez duras críticas a gestores estaduais, citando nominalmente os governadores de São Paulo, João Dória(PSDB), e do Maranhão, Flávio Dino (PC do B). 

Ponto de Wi-fi 

O ministro das Comunicações, Fábio Faria, também anunciou a instalação de pontos de internet para a região de Santa Filomena.  "Estamos trazendo para Santa Filomena um ponto de wi-fi. Vocês vão ter internet de graça para as crianças estudarem, para as mães trabalharem. Internet hoje é inclusão social, faz com que você também consiga ganhar a sua renda", disse. 

Natanael Souza
[email protected] 

Imprimir