Cidadeverde.com
Política

Fábio Sérvio nega ter sido pressionado para desistir de pré-candidatura ao Senado

Imprimir

Foto: Paula Sampaio/ Cidade Verde

O pré-candidato Fábio Sérvio (Podemos) afirmou nesta quinta-feira (14) que foi sondado sobre a possibilidade de sair da disputa eleitoral para unificar apoio ao pré-candidato Joel Rodrigues (Progressistas). Os dois nomes estão no campo da oposição ao pré-candidato da base governista Wellington Dias (PT). 

Fábio Servio, no entanto, negou que tenha sido pressionada em algum momento para abdicar da pré-candidatura. 

“Sob mim não houve nenhuma pressão. Sou uma pessoa que aguenta pressão pelo nível de perseguição que recebemos após 2018. Mas, houve alguns diálogos, sim”, destacou.  

Ele ainda acrescentou que deu início as atividades de pré-campanha há pouco tempo e disse ter a expectativa de crescer nas pesquisas eleitorais. 

“Eu acho que tenho que agradecer ao povo, pois mesmo depois um período sabático em que fiquemos em silencio, nos recuperando das feridas de 2018, estamos com um bom desempenho nas pesquisas. Eu acredito que isso para quem ainda não havia começado uma pré-campanha estar empatada com pré-candidato que tem uma estrutura bem maior que a nossa”, afirmou. 


Paula Sampaio
[email protected]

Imprimir