Cidadeverde.com
Geral

Pablo Campos é condenado a 21 anos de prisão por matar enfermeira e atropelar namorada

Imprimir

Foto: Ascom/TJ

O empresário Pablo Henrique Campos Santos foi condenado a 21 anos e oito meses de prisão em regime fechado por ter atropelado e matado a enfermeira Vanessa Carvalho e ferido a então namorada, Anuxa Alencar. A sentença foi proferida durante a madrugada desta quarta-feira (31), pelo juiz Antônio Noleto, da 1ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Teresina. 

Pablo Campos foi condenado a 11 anos de reclusão pela morte de Vanessa Carvalho e a 10 anos e oito meses pela tentativa de feminicídio contra Anuxa Alencar. O crime aconteceu em setembro de 2019, na saída de uma festa de casamento na zona Leste da capital. 

O julgamento do caso teve início por volta das 9h da manhã desta terça-feira(30). Prestaram depoimento diversas testemunhas de defesa e acusação, entre elas a auxiliar administrativa Anuxa Kelly Alencar, que afirmou que momentos antes do crime teria sofrido ameaças de Pablo Campos, durante a festa em que eles estavam 

Pablo Henrique Campos Santos assumiu o crime e disse que se "arrepende amargamente". Contudo, contrariamente,  o acusado diz que não se lembra do atropelamento que resultou no feminicídio da enfermeira que era amiga do casal. Em juízo, ele atribuiu o "esquecimento" ao vício em álcool, mesma alegação dada durante a audiência de instrução.

O julgamento também foi marcado por protestos de familiares e amigos de Vanessa Carvalho, que cobraram a aplicação de uma pena máxima ao réu. 

 


Natanael Souza
[email protected] 

Imprimir