Cidadeverde.com
Esporte

Etapa Verão encerra o Circuito das Estações de Teresina em 2022

Imprimir

Foto: Moisés Said

O ano de 2022 ficou marcado pela chegada do maior circuito de corridas da América Latina em Teresina. A etapa Verão, que acontece no dia 4 de dezembro, vai fechar com chave de ouro o Circuito das Estações. Com 14 anos de história no Brasil, o evento desperta o corredor dentro de cada um. São 4 etapas, cada uma simbolizando uma estação do ano. A estreia na capital do Piauí aconteceu em maio com a etapa Outono, em seguida veio a etapa Inverno e em Outubro a Primavera. Todas as etapas contam com percursos de 5km, 10km e 15km.

O kit de cada etapa do Circuito das Estações é uma atração a parte e traz camiseta ProRun, bandana, Ultra Bag e medalha (pós-prova). Ao final das 4 etapas, as medalhas formam uma mandala.

Aos vencedores, troféus para os três primeiros colocados nas categorias masculina e feminina em todas as distâncias disputadas. Para a etapa Verão, quem é PCD (pessoa com deficiência) realiza sua inscrição sem custos. 

Cerca de mil corredores participam de cada etapa do circuito. "A corrida, na verdade, é uma grande festa com show musical, brindes, alimentação e muita hidratação para os atletas. É um momento de confraternização, já que Teresina tem se tornado referência em corrida. A cada dia cresce a quantidade de pessoas que decidem adotar hábitos saudáveis de vida e apostam na corrida para vencer", afirma o idealizador do circuito no Piauí, Thiago Monteiro.

Quem apostou no Circuito das Estações foi o servidor público Wilton Leal, que participou de todas as etapas realizadas até o momento em Teresina.

"A cada etapa a corrida só melhora. O Circuito das Estações foi aguardado em Teresina com muita expectativa. É uma corrida que valoriza o atleta com organização de qualidade, desde o kit até a movimentação no pré e pós prova. Quem participa de uma etapa não deixa de ir as outras", afirmou.

Além de Teresina, o Circuito das Estações acontece no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Salvador, Fortaleza, Recife, Florianópolis, Curitiba, João Pessoa, São Luís, Goiânia, Aracajue São José dos Campos.

A jornalista Mayara Martins, que já foi pódio em duas das etapas, fala da importância da corrida.

"Teresina estava merecendo uma corrida como a do Circuito das Estações. É uma oportunidade dos corredores testarem sua evolução em cada etapa, percorrendo as mesmas distâncias, por exemplo, ou mesmo um incentivo para, a cada etapa, sentir a segurança de aumentar a quilometragem percorrida. Participei das três primeiras etapas e já estou inscrita para participar da última. Nas etapas inverno e primavera, consegui ficar em segundo lugar geral na distância de 15 km e para mim foi bastante gratificante perceber que a corrida teve uma organização padrão em que não faltou estrutura para os atletas", disse a atleta.

Da Redação
[email protected]

Imprimir