Cidadeverde.com
Esporte

Top60, 10 anos e campanha orgulho piauiense: Altos quer se aproximar do torcedor local

Imprimir

Fotos: Renato Andrade/Cidadeverde.com

O Altos é dono dos melhores desempenhos para o estado do Piauí nos últimos cinco ou seis anos, e na temporada 2023 quer conseguir traduzir esses números dentro de campo em torcedores nas arquibancadas. No ano em que o time completa 10 anos de vida a intenção é aproveitar a marca com lançamento de novos planos de sócio torcedor e campanhas para criar maior identificação com o clube e toda a ideia irá girar em torno das palavras – Orgulho Piauiense. 

“É um ano importante para o Altos, são 10 anos e é ainda mais importante a busca do título (Estadual). Eu quando cheguei aqui falei para o presidente (Warton), hoje o Altos é o maior time do Piauí e nos temos falado muito no orgulho piauiense. Estamos lançando um socio torcedor com nova roupagem, tudo novo e um dos planos é exatamente esse ‘Orgulho Piauiense’ e virão alguns produtos também. Temos que deixar isso mais aflorado do povo piauiense”, frisou Newton Filho, gerente de futebol do Jacaré. 

Para essa missão, a diretoria do clube recrutou Newton Filho, novo Gerente de Futebol, que trabalhou por muitos anos no futebol cearense em clubes como Floresta e Ferroviário e chega para primeiro trabalho no Piauí. 

Gerente de Futebol do Altos, Newton Filho

“Eu já conhecia o Altos de vir muitas vezes aqui jogar contra o Altos. Sempre que vinha aqui tínhamos muita dificuldade e nós temos que manter essa identidade do Altos de ser um time forte dentro de casa e aguerrido fora. Acredito que minha experiência, quase totalmente do futebol cearense que é um futebol que vive um grande momento eu acredito que pode agregar sim principalmente na valorização do futebol piauiense, torcer para os times do Piauí”, frisou o Gerente de Futebol do Altos, Newton Filho. 

O Jacaré tem conquistas expressivas nos últimos anos e é responsável não só pelo nome da Associação Atlética de Altos, mas também por colocar o futebol piauiense alguns degraus acima. Após última atualização do ranking da CBF o Jacaré ocupa a posição de número 58ª entre os clubes do país, colocando o Piauí pela primeira vez em um top 60 nacional. 

Além disso, o Altos é tricampeão Piauiense (2017/2018 e 2021) em sete edições disputadas em sua história como caçula do estado. Conquistou o acesso até a Série C do Brasileiro no ano de 2020 e vai em 2023 para sua terceira disputa consecutiva, algo que nenhum clube do estado conseguiu antes e além disso enfileira alguns avanços de fases na Copa do Brasil e Copa do Nordeste, que lhe deu também pontos valiosos no ranking. 

O Jacaré terá um calendário mais enxuto na temporada 2023, pois disputa a Pré-Copa do Nordeste quando entra em campo no dia 5 de janeiro, terá o Campeonato Piauiense e a partir de abril começa sua caminhada na Série C do Brasileiro. 

“O clube precisa se reestruturar, profissionalizar cada vez mais os setores aqui dentro para que a gente tenha um Altos que possa estar brigando. Por esse motivo nesse momento o mais importante é conquistar a vaga na fase de grupos da Copa do Nordeste e retomar o título Estadual. Principalmente pelos 10 anos”, frisou o técnico Fernando Tonet.

 técnico Fernando Tonet

O Altos do próximo tem como característica a renovação, pois mais de 80% do elenco mudou. Apenas cinco peças remanescentes e muitos nomes que tinham sua imagem atrelada ao clube encerraram seus ciclos. O primeiro jogo do Altos será no dia 5 de janeiro contra a Jacuipense pela Pré-Copa, às 20h, na cidade de Riachão do Jacuípe (BA). 

 

 

Pâmella Maranhão 
[email protected]

Imprimir