Cidadeverde.com
Política

TCE oficializa aposentadoria de Olavo Rebelo; governadora indicará Rejane Dias

Imprimir

Foto: arquivo Cidadeverde.com

Foi publicada no Diário Oficial do Tribunal de Contas do Piauí (TCE-PI) desta sexta-feira (30) a aposentadoria do conselheiro Olavo Rebelo. A vacância do cargo, agora, será comunicada a governadora Regina Sousa (PT). 

Em entrevista exclusiva para o ao Cidadeverde.com, Regina Sousa confirmou que, por ela, o nome indicado para o cargo será o da deputada federal Rejane Dias (PT). Pelo tramite legal, a petista deve fazer a indicação e enviar para a apreciação da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi). 

A Alepi decretou recesso nesta semana. Assim, há a possibilidade de que a indicação possa ser efetivada pelo governador eleito Rafael Fonteles (PT), após o dia primeiro de janeiro. A situação foi admitida pela própria Regina Sousa em entrevista na quinta-feira (29). 

“Acho que não vou ter é tempo, porque amanhã já é sexta-feira. Acredito que o governador Rafael seguirá o mesmo caminho. Sim, [Será o nome da Rejane], foi o nome que me chegou”, disse Regina Sousa. 

Foto: Raoni Barbosa

Caso concretize-se a indicação de Rejane Dias, o deputado Paes Landim (União Brasil) assumirá a cadeira por um mês. Já em 2023, a vaga na Câmara Federal será do deputado federal Merlong Solano (PT) que ficou como primeiro suplente na legislatura.  

APOSETADORIA DE OLAVO REBELO 

O texto publicado do Diário do TCE-PI, com a assinatura da presidente Lilian Martins, concede a aposentadoria por tempo de serviço para Olavo Rebelo. O documento ainda estabelece proventos de R$ 30.093,54 para o conselheiro aposentado. 

Ventilou-se ainda a possibilidade de que Olavo Rebelo possa assumir um cargo federal. No entanto, em entrevista anterior, ele não confirmou a informação. 


Paula Sampaio
[email protected]

Imprimir