Cidadeverde.com

Audiência que discute combate ao Aedes aegypti é adiada

Foi adiada para o próximo dia 20 de abril a audência pública que discutirá as ações adotadas pela prefeitura de Teresina no combate ao mosquito Aedes aegypti. A reunião, proposta pela vereadora Teresa Britto (PV), não aconteceu por conta da ausência da equipe da Fundação Municipal de Saúde, que se encontra em viagem institucional. A nova audiência acontece a partir das 10h30, no plenátio vereador José Ommati.

Durante a audiência também será discutida a relação entre o vírus Zika e a microcefalia – que consiste em uma má formação congênita do cérebro. Autora do projeto de lei que institui a campanha permanente de orientação acerca do vírus Zika e combate ao mosquito Aedes aegypti nas escolas municipais, Teresa Britto explica que a ideia da audiência é propor políticas públicas para o tratamento das doenças associadas ao mosquito.
 
“Ainda há muito desconhecimento, falta de informação e queremos contribuir neste objetivo de disseminar informações corretas sobre o Zika vírus e a microcefalia, além de debater formas viáveis de combate ao Aedes aegypti em nossa cidade”, enfatiza a vereadora.
 
Foram convidados a participar da audiência públicas as secretarias estadual e municipal de Saúde; Fundação Hospitalar de Teresina; Fundação Municipal de Saúde; Ministério Público; Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Piauí; conselhos estadual e municipal de Saúde e demais entidades envolvidas no combate ao mosquito Aedes aegypti em Teresina.

Da Redação
redacao@cidadeverde.com