Cidadeverde.com

No dia de prevenção à microcefalia, Sesapi comemora redução de casos

  • 0c65f04e-3e14-493a-8b01-7589485c866b.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 1dd0080f-3016-46bd-b90c-1d29eab79b85.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 4c7bfc95-116e-41e3-9ae9-f93af6f4872b.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 7fc00158-fac5-4468-a11c-dacca3539170.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 08ff099a-1a6f-47bd-93dd-763f01a76e90.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 67ca3ed2-8602-49fe-a24a-d4fb3bd785e9.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 85bb7310-e220-495b-967b-9e356b74904d.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 94b68bf1-a031-4e5f-8940-09e79dcebb20.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 365c5df6-de31-409d-ae36-598c21644056.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 586c3403-0fd0-4cf0-9697-769037336b94.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 881ee136-d004-4d62-92ae-54b24d8cd64e.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 6245d5f3-edaf-4e3b-a531-6163a82dd757.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 43390eef-ef35-4ce4-a39f-ea0714003de7.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 49166f2a-7368-4fb7-b778-dec0fb2d7852.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 95786a33-ec03-4d00-bbac-1042ffdfe129.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 169219bb-9857-45b8-bdab-abcea32c7f80.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 31246903-0d19-45fe-9099-2ec96fd5b51c.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • 80358727-023e-4cc9-abc8-b51c64376232.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • a8fd6efe-1519-4640-88c0-6fde221e2e88.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • b6bbd160-b15a-44a9-ab01-b05940b585e1.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • dc61f3a8-768b-40da-aaef-1dc535dfbd68.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • e5f6da02-2612-46f3-855c-4a3ca902cd1e.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com
  • ec9b62a6-daa4-41bb-ac13-7f66744775bf.jpg Wilson Filho/Cidadeverde.com

O secretário estadual da Saúde, Francisco Costa, informou que o Piauí está fora da situação emergencial dos números de caso de microcefalia. O gestor comemora o dado no Dia Estadual de Prevenção e Combate à Microcefalia, já que os casos diminuíram ao longo deste ano. 

De 2007 a setembro de 2015, o Piauí havia registrado apenas 14 casos da doença, mas de outubro de 2015 ao mesmo mês deste ano, o Piauí notificou 190 casos de microcefalia e a maior quantidade no primeiro semestre de 2016. Desse total, 182 casos foram investigados e classificados sendo 99 foram confirmados para Microcefalia e/ou alteração do sistema nervoso sugestivo de infecção congênita, 83 descartados e oito permanecem em investigação.

“Nós não estamos mais em situação emergencial, como estivemos no começo do ano. Nós temos notificados 190 casos e estamos cada vez mais combatendo essa doença através das ações de mobilização de combate ao mosquito. Nós tivemos melhorias nos indicadores com redução, por exemplo, de 31% nos casos de dengue quando comparados a 2015”, declarou.

Na manhã desta terça(18), o secretário participou de solenidade pelo dia estadual de Prevenção e Combate à Microcefalia, na Secretaria da Saúde do Piauí, com a participação da vice-governadora Margarete Coelho e da propositora do dia, a deputada estadual Flora Izabel (PT). 

A vice-governadora ressaltou que a sociedade precisa unir forças junto ao poder público para combater o mosquito. "O evento de hoje é importantíssimo, pois nós estamos cuidando de uma próxima geração e não podemos ter uma geração comprometida por causa de um simples mosquito, e que nós podemos combater. Eu parabenizo tanto o secretário de saúde, por seus esforços, e a deputada pela criação da data, pois esse dia de luta marcado no nosso calendário reforça esse combate", comentou Margarete.

Também estiveram presentes na solenidade os pais da pequena Ester Vitoria, de 11 meses, que foi diagnostica com microcefalia. A mãe de Ester, a dona de casa Mara Alves, disse ao Cidadeverde.com que teve Zika durante a gravidez. "É importante está atenção porque nossos filhos precisam de acompanhamento específico, eu sei disso, e por isso estou aqui. Eu e muitas famílias precisamos de mais assistência por causa dessa doença", disse.

Durante a solenidade, foram entregues quatro veículos equipados com bombas fumacê e 28 bombas costais motorizadas. Com estes equipamentos, devem ser intensificada as ações de combate e prevenção ao Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya e sensibiliza gestores municipais e técnicos sobre o combate ao mosquito.

Os quatro veículos com fumacê foram adquiridos com recursos do Estado, no valor total de R$ 299.970,00 e serão entregues às regionais. As bombas fumacês costais foram disponibilizadas pelo Ministério da Saúde e serão entregues às regionais e à Vigilância Estadual, respectivamente.


Flash de Carliene Carpaso
Redação Caroline Oliveira
redacao@cidadeverde.com