Cidadeverde.com

Agricultor é preso suspeito de estuprar adolescente dentro de igreja em Corrente

Foto: Google Maps

O agricultor Carmeron Pacheco de Sousa, de 47 anos, foi preso na terça-feira (19/07) suspeito de estuprar uma adolescente de 16 anos dentro do banheiro de uma igreja na cidade de Corrente, distante 843 km de Teresina. 

A vítima estava a caminho do trabalho quando foi abordada pelo acusado. Segundo relatou a adolescente à Polícia, o agricultor se aproximou dela e disse "passa o celular". Após entregar o aparelho, o homem começou a enforcar a adolescente. 

A adolescente relatou que neste momento o acusado a puxou pelo pescoço e a conduziu para o banheiro da igreja que está em construção. 

"Ele tentou retirar suas vestes, mas a declarante não deixou. O sujeito então bateu a cabeça da vítima no vaso sanitário e ela veio a desmaiar. Quando acordou, a vítima estava sem suas roupas e com marcas no pescoço. Antes de sair, o homem teria dito que se a vítima contasse algo para a polícia iria matá-la", diz trecho do boletim de ocorrência registrado pela vítima. 

Ao delegado que investiga o caso, Yure Saulo, a adolescente disse que ao sair do banheiro viu o acusado conversando com populares em frente a uma casa na igreja. Depois disso, foi até a casa de um tio e relatou o abuso que sofreu. 

O acusado foi preso no mesmo dia por volta das 17h. Aos policiais, afirmou que não lembrava de nada e que estava bêbado. Alegou que não lembrava do estupro e nem do roubo do celular. 

O agricultor já tem passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo e por violência doméstica contra sua ex-companheira no Distrito Federal. 

Carmeron Pacheco foi preso por estupro qualificado e roubo. O caso será investigado pela 10ª Delegacia Regional de Corrente. 

 


Nataniel Lima
[email protected]