Cidadeverde.com

IFPI abre sindicância para apurar denúncia de violência sexual contra aluna

Foto: Reprodução/GoogleMaps

O Instituto Federal do Piauí (IFPI) instaurou sindicância para apurar denúncia de violência sexual que teria sido praticada contra uma aluna da instituição do Campus da cidade de Corrente, no extremo Sul do Estado. 

O abuso sexual teria ocorrido quando a estudante fazia visita técnica com outros alunos para o estado do Tocantins. A violência teria sido praticada por estudantes da Universidade Estadual do Piauí (Uespi).

A Direção Geral do IFPI Campus Corrente informou por meio de nota ao Cidadeverde.com que  tomou conhecimento da denúncia de violência sexual no último dia 10 de maio.

A Direção do Campus afirma que consultou, imediatamente, a estudante e seu pai sobre desejo de registro de ocorrência policial, realização de exame de corpo de delito ou assistência médica. Segundo a nota, a aluna respondeu que não gostaria de tomar tais providências, decisão que foi aceita pelo pai.

Seguindo a recomendação da Organização Didática do IFPI, foi instaurada uma sindicância. O processo está em fase de tomada de depoimentos.

Quanto ao envolvimento de alunos da Universidade Estadual do Piauí, a Direção Geral do Campus informa que enviou ofício notificando a instituição sobre o ocorrido.

A Uespi confirmou o recebimento do ofício e disse “que está analisando o caso”. 

 

Izabella Pimentel
redacao@cidadeverde.com