Cidadeverde.com
Diversidade

"Posso sair daqui para me organizar": Ação Ocupa Manifesto na defesa da Frei Serafim - Sábado (11)

“Posso sair daqui para me organizar/posso sair daqui para desorganizar/Que eu me organizando posso desorganizar”. Nos rastros provocativos da canção de Chico Science, os coletivos culturais e artísticos de Teresina realizarão neste sábado(11/01), às 17h,  a Ação Cultural Ocupa Manifesto.

A iniciativa é um canal de diálogo com sociedade teresinense para pensar, refletir sobre a necessidade de  defesa e preservação do canteiro central da capital.

O ato convida a [email protected] a se sentirem parte do protagonismo pelo Direito à cidade* plural, pulsante, criativa e com sustentabilidade socioambiental.

Entre as atrações da atividade estarão: Boi Touro da Ilha, Exposição Coletiva de Artes Visuais, Projeções Cidade e  Instalação ‘Lagoas do Norte para Quem?’, da Artivista Lu Rebordosa (Ocuparte).

De acordo com organização do evento, o Ocupa Manifesto ressalta a urgência de se contrapor ao projeto da prefeitura de Teresina que visa construir sete terminais de ônibus na avenida Frei Serafim, local simbólico da   cidade atravessado  de memória, identidade e representações socioculturais.

Organizadores apontam a ausência de diálogo e participação democrática da comunidade no desenvolvimento do projeto.

*Direito à Cidade

Representa a capacidade dos sujeitos individuais e coletivos acessar  recursos urbanos, ser agentes ativos de transformações e inovação dos processos urbanos. É um direito de tomar parte nas políticas públicas que afetam a todos e todas cidadãos e cidadãs das cidades.

No Brasil, o marco legal “Estatuto das Cidade” estabelece no Art 2º, II, o seguinte princípio sobre politica urbana:

“Gestão democrática por meio de participação da população e de associações representativas dos vários segmentos da comunidade na formulação, execução e acompanhamento de plano, programas e projetos de desenvolvimento urbano”

Por Herbert Medeiros