Cidadeverde.com
Diversidade

JUNTA Festival recebe atração franco-brasileira em sua programação - Domingo 11/09

Nesta edição, o JUNTA Festival: Dança e Contemporaneidade conta com apoio institucional do Consulado Geral da França

O JUNTA Festival: Dança e Contemporaneidade já começou e vai até 11 de setembro, ocupando o Complexo Cultural do Clube dos Diários, em Teresina (PI). Nesta edição, totalmente presencial, o evento retorna após a paralisação causada pelas restrições da pandemia da Covid-19.

O festival internacional de dança surge com uma palavra conceito: “SOPRO”, para dar fôlego e pegar impulso, através de espetáculos de dança contemporânea, conversas e lançamento de ebook; com sopros locais, regionais e internacionais, como é o exemplo de  “La nuit tombe quand elle veut” (a noite cai quando ela quer). A performance é resultado da colaboração franco-brasileira com a coreógrafa Franco Marroquina Latifa Laabissi, e o coreógrafo brasileiro Marcelo Evelin.

“A Noite Cai Quando Ela Quer”, é uma experiência imaginária e sonora, em uma condição de vigília encarnada, que oferece ao público uma imersão perceptiva. Teresina (PI), será a primeira capital a receber a apresentação que está em circulação e passará por outras cidades do Brasil, como São Paulo e Rio de Janeiro. A atração conta com apoio institucional do Consulado Geral da França, através do Serviço de Cooperação e Ação Cultural (SCAC).

O Consulado Geral da França em Recife possui um extenso histórico de apoio, neste ano, com incentivo em programações culturais, linguísticas, científicas e universitárias, em cidades do Nordeste como Fortaleza, São Luís, Recife entre outras.

Latifa Laâbissi é Diretora Artística do programa e festival artístico e pedagógico da Extensão Sauvage em Brittany. Em 2016, uma monografia sobre o conjunto da sua obra foi publicada pelas Edições Les Laboratoires d'Aubervilliers e Les presses du réel. Já Marcelo é Doutor Honoris Causa pela Universidade Federal do Piauí (UFPI). Vive na Europa há mais de 35 anos, tendo passado pelas cidades de Paris (1986), Amsterdam (1987) e Wuppertal (1988), onde estagiou sob a direção da celebrada coreógrafa alemã Pina Bausch. O artista  fundou e dirigiu o Núcleo do Dirceu em Teresina, um coletivo de artistas pesquisadores das artes cênicas contemporâneas.

O JUNTA Festival é contemplado pelo Sistema de Incentivo Estadual à Cultura (SIEC) da Secretaria de Estado da Cultura do Piauí e tem o patrocínio da Equatorial Piauí. O evento conta com atividades gratuitas e pagas, sempre a preços populares. Os passaportes podem ser adquiridos via plataforma “Ingresse” (https://www.ingresse.com/juntafestival) e na bilheteria do teatro nos dias do evento, nas modalidades meia entrada social e inteira. Há também lista trans e travesti free para toda a programação paga.

SOBRE O JUNTA:

O JUNTA Festival: Dança e Contemporaneidade chega com gente de todo o Piauí, nordeste e sudeste, em um sopro que pode correr do rural ao urbano, do centro à periferia, de casa para a rua e do peito para o mundo.

É um festival-obra criado e dirigido a seis mãos pelos artistas Janaína Lobo, Datan Izaká e Jacob Alves. Em sua 8ª edição, é um festival consolidado e um dos importantes eventos artísticos do estado, por ter público de Teresina e de todo o país e parcerias internacionais como Fundação Pro Helvetia (Suíça) e Embaixada Francesa no Brasil. É um ponto de contato com trabalhos que são referência de pensamentos e modos contemporâneos de fazer dança no mundo, além de servir de plataforma para o fomento da produção artística local. 

Para mais informações, acesse o site juntafestival.com.b, e redes sociais do evento:

Instagram https://www.instagram.com/juntafestivalteresina/

Facebook https://www.facebook.com/JuntaFestival

Twitter https://twitter.com/JuntaFestival

Fonte: Junta Festival