Cidadeverde.com
Diversidade

Sociedade Civil e Poder Público participam de Ato em Favor dos Direitos Humanos

  • Foto_8.png Herbert Medeiros
  • FOto_7.png Herbert Medeiros
  • Foto_6.png Herbert Medeiros
  • foto_5.png Herbert Medeiros
  • foto_4.png Herbert Medeiros
  • foto_3.png Herbert Medeiros
  • foto_2.jpg Herbert Medeiros
  • foto_1.png Herbert Medeiros

No dia Internacional dos Direitos Humanos(10/12), organizações da Sociedade Civil, ativistas e instituições públicas participaram, no Palácio do Karnak,  da Assinatura do Acordo de Cooperação Técnica entre Órgãos e Entidades no Estado do Piauí para Formação da Rede de Promoção e Defesa de Direitos  no Âmbito Estadual. A ocasião também foi momento de posse d@s  representantes do poder público e sociedade organizada no Conselho Estadual de Defesa dos Direitos Humanos (CEDDH).

O Acordo de Cooperação Técnica expressa aos participantes a necessidade de promover intercâmbio de informações de forma ágil,  bem como compartilhamento de dados e documentos, autorizando acessos e recebimentos que se fizerem necessários, assegurando, contudo, as políticas de segurança de cada órgão. Também visa uniformizar ações a fim de fortalecer a rede de proteção dos Direitos Humanos(DH).

A representante do Ministério Público Estadual, promotora Mirian Lago, destaca que  a assinatura do acordo é importante pois garante mais  visibilidade a todos os órgãos que trabalham com a promoção e defesa dos DH. Ressalta ainda que o objetivo   principal da Rede  é integrar as instituições para que a promoção das ações seja mais efetivas e ofereça resposta que a sociedade precisa diante das violações de direitos.

Marinalva Santana, ativista do grupo Matizes, expressou o desejo de que o Acordo não fique somente no papel mas que tenha efetividade para atender demandas sociais. A ativista salientou também  que o Estado reverta a situação de violador de direitos para  o papel  de   protetor dos Direitos da Pessoas Humana.

A representante do Matizes  também espera que conselheiros/as do CEDDH  tenham serenidade e compromisso para enfrentar o momento adverso do país e atuar  de forma articulada e inteligente para promover Direitos Humanos.

A Rede de Defesa e Promoção dos DH é formada por: OAB, Ministério Público Estadual, Secretaria de Segurança Pública, Secretaria de Justiça do Estado do PI, Secretaria de Assistência Social e Cidadania, Secretaria Estadual de Educação, UFPI, UESPI,  Instituto Federal de Educação (IFPI), Defensoria Estadual e Defensoria da União, Secretaria Estadual de Inclusão da Pessoa com Deficiência, Coordenadoria de Políticas Públicas para Mulheres, Tribunal de Justiça do Estado do PI, Conselho Regional de Psicologia.