Cidadeverde.com
Últimas

Aprovado indicativo de interdição ética na maternidade Evangelina Rosa

Imprimir

O indicativo de interdição ética da maternidade Dona Evangelina Rosa foi aprovado na noite desta segunda-feira (18). Na semana passada, fiscalização Conselho Regional de Medicina (CRM-PI) em parceria com o Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) e o Ministério Público, apontou uma série de problemas, inclusive, o alto risco de infecção hospitalar devido, entre outros fatores, a falta de materiais básicos para higienização. 

O CRM-PI definiu ainda o prazo de um mês para que a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí (Sesapi) resolva a situação sob pena de interdição total da maternidade. 

"Ficou decidido que 18 de julho a gente retorna a maternidade para avaliar as condições e, de acordo com o que a gente encontrar, retorna para rediscutir o assunto", disse Miriam Parente, presidente do Conselho Regional de Medicina (CRM-PI). 

Alderico Tavares, representante da Sesapi, diz que foi apresentado um plano operativo que será revisto em 30 dias. 

 

Graciane Sousa
[email protected]

Imprimir