Cidadeverde.com
Geral

Empresário assassinado em bar estaria sendo ameaçado

Imprimir

Foto: Reprodução/Facebook

O irmão do empresário Evandro Augusto Pinheiro dos Santos, morto dentro de um bar na zona Leste de de Teresina, prestou depoimento à Polícia Civil. 

O irmão disse que Evandro andava “assustado” nos últimos dias. Há suposições de que o empresário também teria recebido ameaças. 

O coordenador do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Francisco Costa, o Baretta, conta que Evandro foi morto enquanto estava em um bar com sua companheira. Segundo depoimento da mulher, um homem com touca balaclava (touca ninja) entrou no local e efetuou os tiros no empresário. 

Pelo menos sete perfurações foram detectadas no corpo de Evandro. “O dono do bar havia saído para comprar uma carne quando o crime aconteceu, segundo o que a companheira diz. Vamos investigar o antes, durante e depois do crime”, conta o delegado. 

Na noite anterior ao crime, Evandro havia se encontrado com uma pessoa em um hotel localizado na frente da rodoviária. A pessoa com quem ele se encontrou deve ser ouvida. 

Evandro tinha passagem pela polícia por porte ilegal de arma de fogo. 

“Os depoimentos da moça não são suficientes. Vamos investigar o antes, durante e depois. A polícia tem que responder todas às indagações”,disse Baretta. 

Na manhã de hoje equipes do DHPP estão em campo investigando o crime.

 

Flash Izabella Pimentel
izabella@cidadeverde.com 

Imprimir