Cidadeverde.com
Geral

Carroceiro é suspeito de morte de vizinho após agressão violenta

Imprimir

A Delegacia de Homicídios investiga a morte de um homem identificado como Jordano da Silva Sá, de 43 anos. Ele foi encontrado pela família morto dentro do seu quarto, em uma residência no bairro São João, zona Leste de Teresina.

Segundo a polícia, a morte pode ter sido causada por uma agressão que Jordano sofreu no último domingo, dia 17 de setembro, em um bar próximo de sua casa.

“Ele teria sido alvo de uma ação por instrumento contundente na região das costelas aparentemente sem motivação por um sujeito que mora inclusive na rua e já está identificado”, conta o'delegado Jarbas Lima.

Depois que sofreu a agressão, Jordano retornou a sua casa, relatando dores aos familiares. “A família ainda quis levá-lo a um hospital mas ele se recusou”, lembra o delegado.

A vítima morava com a mãe, a irmã, o cunhado e duas sobrinhas. Aldo Holanda Pereira, cunhado de Jordano conta como a família encontrou o corpo. “A minha esposa se levantou primeiro do que eu e presenciou o fato, em cima da cama dele”.

O causador da lesão é um carroceiro, vizinho da vítima. Ele ainda não foi localizado pela polícia e poderá ser autuado por lesão corporal seguida de morte. A motivação do crime ainda é desconhecida.

Valmir Macêdo
valmirmacedo@cidadeverde.com

Imprimir