Cidadeverde.com
Geral

Piauí registra mais 19 mortes por Covid; dois municípios seguem sem óbitos

Imprimir

Apenas dois dos 224 municípios piauienses ainda não registraram mortes por Covid em um ano e três meses de pandemia. O Estado chegou a marca de 6.222 mortes neste sábado(12). Entre sexta à noite e sábado à noite, a Secretaria Estadual da Saúde (sesapi) registrou 19 novas mortes. 

Massapê do Piauí e São Luís do Piauí continuam sem contabilizar mortes pela doença. O número de mortes em todo o estado é quase três vezes maior que o número de habitantes de São Luís, que possui cerca de 2500 habitantes e já se aproxima do número de moradores de Massapê que são 6.455.

Foram registrados ainda 610 casos confirmados e mais cinco óbitos acumulados de períodos anteriores e que estavam em investigação epidemiológica. Dos 610 casos 333 são mulheres e 277 são homens, com idades entre um e 95 anos.  

Onze mulheres e oito homens não resistiram às complicações da Covid-19. Elas eram de Canto do Buriti (87 anos), Corrente (62 anos), Demerval Lobão (41 anos), Itaueira (70 anos), Landri Sales (44 anos), Luís Correia (81 anos), Pedro II (71 anos), Piracuruca (61 e 100 anos), São Gonçalo do Piauí (89 anos) e Teresina (43 anos).

Já os homens eram de Corrente (56 anos), Parnaíba (62 anos), Picos (55 anos), Piripiri (43 anos), São Raimundo Nonato (55 anos), Teresina (55, 71 anos) e Valença do Piauí (57 anos).

Dos óbitos acumulados os três homens eram de Monsenhor Gil (48 anos), Teresina (99 anos) e União (72 anos). Já as duas mulheres eram de Teresina (62 e 67 anos).

Os casos confirmados no estado somam 284.782 distribuídos em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam a 6.222 e foram registrados em 222 municípios.

Dos leitos existentes na rede de saúde do Piauí para atendimento à Covid-19, há 844 ocupados, sendo 519 leitos clínicos, 304 UTIs e 21 em leitos de estabilização. As altas acumuladas somam 18.369 até o dia 12 de junho de 2021.

A Sesapi estima que 277.716 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registrados nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.


Caroline Oliveira
Com informações da Sesapi
[email protected]

Imprimir