Cidadeverde.com
Esporte

Jogadora piauiense chega à Polônia e pode pegar avião para o Brasil ainda hoje

Imprimir

A jogadora de futebol piauiense Kedma Laryssa, de 20 anos, enfrenta desde sexta-feira (4) um longo trajeto com um objetivo de pegar um avião para o Brasil, após a Rússia iniciar uma guerra contra a Ucrânia. Neste domingo (6) ela informou que já conseguiu passar a fronteira da Ucrânia com a Polônia e pode pegar um avião para o Brasil ainda hoje.

Kedma jogava no Tiradentes, no Piauí, quando se mudou em agosto para a Ucrânia, para jogar pelo clube Kryvbas Women . Ela estava morando em Kryvyi Rih, quando a Rússia decidiu atacar o país que está localizado no leste da Europa. 

Na sexta-feira, Kedma Laryssa, que está em um grupo com outras duas brasileiras, conseguiu sair de Kryvyi Rih após pegar um trem. Após 28h de viagem, ela chegou na manhã de sábado (5) na cidade de Lviv, que é uma cidade localizada no oeste da Ucrânia, onde se encontrou com representantes da embaixada brasileira.

Na noite de sábado ela finalmente conseguiu passar a fronteira que existe entre a Ucrânia e a Polônia.  Agora a piauiense, acompanhada de brasileiros que estão dando suporte na região, está indo para Varsóvia, capital do país, com o objetivo de pegar um avião, em um voo comercial, para o Brasil.

Foto: Reprodução redes sociais @kedma.laryssa13

“Eu falei com ela, e tudo indica que ela pode pegar hoje o avião, mas só chegando lá, ela vai saber. Ela acha que pode ser ainda hoje”, afirmou Lúcia Santos, mãe de Kedma Laryssa. 

Nas redes sociais, a jogadora piauiense Kedma Laryssa afirmou que apesar da longa viagem está bem após chegar na Polônia.

“Conseguimos entrar na Polônia, graças a Deus. Agora é descansar e seguir viagem rumo ao Brasil”, disse a piauiense.

 

Bárbara Rodrigues

[email protected]

Imprimir