Cidadeverde.com

Programa aumenta rentabilidade de jovens estudantes do campo

A produção de alimentos biofortificados no Piauí promete dar grande reforço à agricultura familiar e à merenda escolar com o Programa Produtores do Futuro. Em Pedro II, a Escola Família Agrícola Santa Ângela e o Laboratório Lar Maria da Cruz desenvolvem, desde 2011, o programa que aumenta a rentabilidade dos produtos agrícolas e está trazendo de volta o jovem para o campo.


Com o objetivo de implantar Unidades Administrativas nas Escolas Agrotécnicas para a transferência de tecnologia de produção, o programa serve como estágio supervisionado obrigatório para os estudantes da Educação Profissional. No Piauí, o programa piloto do Produtores do Futuro tem o período de três anos para ser desenvolvido, beneficiando aproximadamente três mil alunos.


“Além de aprender, poderemos vender os produtos e repassar a tecnologia do aumento de produção em menores áreas plantadas para nossas famílias, reforçando nossa renda”, declara Domingos Júnior, aluno do 3° ano de agropecuária.

Em Pedro II, os alunos estão passando por cursos promovidos pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para elaboração de projetos na requisição de recursos públicos. Nos cursos também são mostrados os passos técnicos e burocráticos para habilitação dos agricultores na venda desses produtos as instituições públicas


Entenda o que são alimentos biofortificados
O projeto de biofortificação de alimentos – BioFORT – trabalha o melhoramento genético convencional de alimentos básicos como arroz, feijão, milho, mandioca, feijão-caupi, batata-doce, abóbora e trigo. O objetivo é obter alimentos com maior teor de ferro, zinco e pró-vitamina A para combater a anemia. A deficiência desta vitamina que podem ocasionar baixa resistência do organismo e problemas de visão.


Da Editoria de Cidades
Cidades@cidadeverde.com

Arnaldo Antunes fará show na abertura do Festival de Inverno de Pedro II

Arnaldo Antunes também estará na edição 2012 do Festival de Inverno de Pedro II. A produção executiva do evento confirma a participação do artista que é considerado um dos grandes nomes da música contemporânea brasileira. Sua apresentação está marcada para a quinta-feira (07), primeiro dia do festival.


A confirmação de Arnaldo Antunes,  que é esperado com expectativa pelos fãs, ao lado dos já confirmados Milton Nascimento e Lenine fecha as atrações nacionais deste evento que está consolidado no calendário cultural brasileiro. Juntos eles irão,  mais uma vez, atrair turistas de todas as partes do país para Pedro II, conhecida como a “suíça piauiense”.

Arnaldo Antunes é um artista único, que não se restringe apenas à música, pois além disso,  também se destaca como poeta, compositor, vj e é um grande artista visual brasileiro que virá ao Piauí especialmente para o Festival de Inverno de Pedro II. Em 1978 ingressou no curso de Lingüística da USP, mas logo obtteve sucesso dos Titãs lhe tomar todo o tempo entre shows, gravações, ensaios, turnês e entrevistas.


Arnaldo Antunes desligou-se da banda em 1992, depois de dez anos de grupo, por conta de suas direções artísticas. Apesar de sua saída, o artista continuou compondo com os demais integrantes do grupo e várias dessas parcerias foram incluídas em discos dos Titãs, assim como em seus discos solo.


Em 2002, Arnaldo Antunes, em parceria com os amigos Marisa Monte e Carlinhos Brown, lançou o projeto Tribalistas. O álbum foi sucesso de público e crítica e vendeu, até 2009, mais de 2.100.000 cópias no Brasil e na Europa. Foi também indicado a cinco categorias do Grammy Latino em 2003, ganhando o prêmio de Melhor Álbum Pop Contemporâneo Brasileiro. Antunes lançou no final do ano de 2007 o primeiro DVD de sua carreira, o premiado Ao Vivo no Estúdio, que passeia por toda sua carreira e que conta com as participações especiais do ex-titã Nando Reis, do titã Branco Mello, do ex-Ira! Edgard Scandurra e dos tribalistas Marisa Monte e Carlinhos Brown.


Conhecido na América do Sul por ser um dos principais compositores da música pop brasileira, Arnaldo Antunes respira influências concretistas e pós-modernas. Compositor de grandes sucessos, em 2012 o artista completa 30 anos de carreira e traz para o Festival de Inverno de Pedro II repertório de canções já gravadas com os Titãs, Tribalistas, e ainda músicas inéditas, sucessos da carreira solo e ainda mais, músicas composta por ele que se tornaram famosas por outros intérpretes.

Da Editoria de Cidades
cidades@cidadeverde.com

Posts anteriores