Cidadeverde.com

Brigadistas enfrentam calor de 70 graus; fogo é controlado com ajuda de avião

Foto: Ascom/prefeituradeSRN


O incêndio que dura cinco dias nas imediações do Parque Nacional Serra da Capivara, patrimônio da humanidade, já retirou famílias de suas residências, matou animais e autoridades  do Piauí e Bahia continuam em alerta. Segundo a chefia do Parque e a prefeitura de São Raimundo Nonato, o incêndio foi controlado. 

Neste domingo (12) chegou um avião enviado pelo youtuber e comediante Whindersson Nunes para ajudar no combate ao fogo. 

O incêndio já destruiu cerca de 8 km de extensão e está a cerca de 10 km de distância do parque, que fica no município de São Raimundo Nonato. O tempo seco e altas temperaturas prejudicam a ação dos bombeiros e brigadistas. Hoje, pela segunda vez, o fogo foi controlado, mas as equipes fazem monitoramento para evitar que os focos avancem. 

Marrian Rodrigues, chefe do Parque Nacional Serra da Capivara, informou ao portal Cidadeverde.com que a chegada do avião enviado por Whindersson Nunes está sendo fundamental para controlar as chamas.

“O avião faz o trabalho de pulverização, resfriando os locais atingidos e equipe por terra faz o rescaldo e  conferência para evitar novos focos. O apoio aéreo ajuda na extinção dos focos e por isso foi controlado”, disse.

A aeronave tem capacidade de transportar 1.800 litros de águas que é abastecido no aeroporto de São Raimundo Nonato com apoio da Esaero.

Foto: ICMBio

avião enviado por Whindersson Nunes

O fogo atingiu dois assentamentos no entorno do Parque  – Serra dos Gringos, que moram mais de 100 famílias e no Novo Zabelê na PI-140, que tem 112 famílias. O fogo invadiu também a zona urbana de São Raimundo Nonato no bairro Baixão dos Diógenes. 
Bombeiros Militar de Juazeiro da Bahia e brigadistas da cidade de Campo Alegre de Lourdes (BA) ajudam na operação, junto com bombeiros de Teresina e Floriano. 

Altas temperaturas

O secretário Municipal de Meio Ambiente, André Landim, também confirmou que o incêndio está controlado, mas o monitoramento é constante. “Equipe continua à postos no monitoramento”.

Segundo o secretário, a temperatura varia de 38°C (graus Celsius) a 40 °C na região. Um biólogo da Universidade Vale do São Francisco (Univasf) fez medições e algumas áreas com fogo chegaram a 60 °C a 70 °C (graus Celsius).  

André Landim informou ainda que sete famílias tiveram que sair de suas casas, mas já voltaram após controlar as chamas. 

Além dos Bombeiros e brigadistas, a operação em São Raimundo conta com apoio da prefeitura, Esaero, Fundham e voluntários.

 

Flash Yala Sena
[email protected]