Cidadeverde.com

Gestante é agredida com paulada pelo marido e acusa cunhado inocente

Uma gestante identificada pela Polícia como Beatriz Ferreira da Costa foi agredida com uma paulada pelo próprio companheiro Leandro Conceição de Oliveira de 25 anos. De acordo com o delegado regional de José de Freitas Jarbas Lima após a agressão, Beatriz chegou a dizer que foi agredida pelo cunhado como uma forma de proteger o esposo.

"Isso nos causa estranhesa e perplexidade. Além das lesões sofridas, mesmo pegando quatro pontos próximo ao olho ela preferiu proteger o marido acusando o cunhado inocente. Nas investigações detectamos que quem tinha a agredido foi o marido e ela inclusive confessou que fez isso para protegê-lo", relatou o delegado.

O suspeito foi preso e foi estipulada uma fiança de cinco salários mínimos pelas lesões. A vítima está grávida de seis meses e o marido pode chegar a ser indiciado pelo crime de aborto caso seja detectada a morte do bebê. Ainda segundo o delegado com a conclusão do inquérito a vítima da agressão também pode ser indiciada por denúncia caluniosa por ter mentido no depoimento e acusado outra pessoa.

A madeira usada para a agressão foi apreendida e o agressor está recolhido em uma das celas do 17º distrito do município.

Rayldo Pereira
rayldopereira@cidadeverde.com