Cidadeverde.com
Política

Ciro se reúne com bancada do PP e pode mudar votos da lei de impostos

Imprimir

O senador Ciro Nogueira (PP) afirmou nesta segunda-feira(30) que irá se reunir com a bancada Progressista para anunciar uma posição sobre a votação do projeto de Lei do imposto que tramita na Assembleia Legislativa. A reunião acontecerá em sua residência com a presença da vice-governadora Margarete Coelho e o partido poderá mudar o voto. 

Semana passada, o líder do partido na Alepi, deputado Júlio Arcoverde informou que os deputados do PP eram contra o projeto. Além de Arcoverde, B.Sá e Belê Medeiros formam a bancada Progressita na Assembleia. 

“O PP tem uma tese de não aumentar impostos, pois já existe uma carga tributária muito grande. Mas, vamos ouvir à bancada, à vice-governadora e escutar seus argumentos”, declarou Ciro Nogueira. 

Segundo senador, a relação do partido com o governo não será alterada em qualquer decisão. “Não vai afetar nossa relação com o governador e não é por conta de um voto. Temos a vice-governadora, elegemos Elmano Férrer e vamos estar juntos na reeleição de Wellington Dias”, argumenta.

Em relação à decisão da ida de Fabio Abreu à Brasília para votar a favor da denúncia contra a presidente Michel Temer, na semana passada, o senador disse que o secretário de Segurança tem representatividade e que esse episódio é “página virada”. Ele acrescentou ainda que o resultado da votação na Câmara dos Deputados, que não aceitou a denúncia, não irá afetar a relação do governo Temer com o Estado. 

Ciro participa de solenidade no pátio da Secretaria de Saúde ao lado do governador. Os dois se cumprimentaram e mostram uma relação amigável. 

 

Flash de Yala Sena
Redação Caroline Oliveira
[email protected]

Imprimir