Cidadeverde.com

Filha de vereador é morta a facadas e companheiro é suspeito do crime

Foto:reprodução

A jovem Evelin Pedrosa Rodrigues, 24 anos, foi assassinada com várias golpes de faca na madrugada deste sábado (29) em plena via pública na cidade de Paulistana, distante 468 Km de Teresina. 

O principal suspeito do crime é o companheiro da jovem, identificado como Joab dos Santos Campos, de 26 anos. O delegado Cícero Oliveira, da Delegacia Regional de Paulistana, disse ao Cidadeverde.com que, após o crime,  Joab tentou cometer suicídio. Ele foi levado para o Hospital Regional Justino Luz, em Picos, e está sob custódia policial. 

A morte de Evelin chocou a população de Paulistana. Ela era filha do vereador da cidade, Elias Rodrigues (PT). Muito abalado, o parlamentar não conseguiu falar com o Cidadeverde.com, mas lamentou o crime e confirmou  que a jovem era sua filha mais velha. 

Segundo a Polícia Civil, Evelin e Joab teriam iniciado uma discussão motivada por ciúmes. Ele estava com uma machado na mão e ela, com uma faca. "A briga começou em casa, mas eles  saíram da residência e o crime ocorreu em uma rua próximo à casa. Apesar dele ter um machado na mão, ele deu um soco nela e, quando ela caiu no chão, pegou a faca e desferiu vários golpes nela. A morte foi imediata", conta o delegado Cícero, que afirma, ainda, que o crime foi um feminicídio. 

Após o crime, Jacob cortou os pulsos e foi encontrado desacordado por policiais ao lado do corpo de Evelin. Apesar da gravidade dos ferimentos, ele foi socorrido. 

O casal tem um filho de apenas dois anos de idade. Nas redes sociais, amigos e familiares de Evelin lamentam a morte da jovem e pedem o fim do assassinato de mulheres. 

Delegacia da Mulher

O delegado regional de Paulistana reivindica a criação de uma delegacia especializada em atendimento à mulher na cidade. 

"A quantidade de crimes envolvendo violência doméstica e familiar contra a mulher é muito grande, e é humanamente impossível um único delegado, com uma equipe de policiais reduzida como a existente hoje na Delegacia Regional de Paulistana, atender satisfatoriamente todas essas ocorrências", disse o delegado.
 

Izabella Pimentel
[email protected]